Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail

mais
URGENTE
Acidente em aeroporto de Teresina causa confusão em voôs para todo o país
Baixe o nosso APLICATIVO
ESCOLHA A LOJA ABAIXO: Google Play AppStore

Cosméticos sustentáveis abrem um novo cenário na dermatologia

O assunto sustentabilidade, a cada dia, se torna mais frequente na rotina das pessoas e vem mudando a maneira de consumir produtos

Compartilhe

O assunto sustentabilidade, a cada dia, se torna mais frequente na rotina das pessoas e vem mudando a maneira de consumir produtos. E o mundo dos dermocosméticos não ficou de fora. Os cosméticos sustentáveis englobam diversos produtos de perfumaria, higiene, beleza, cuja preocupação esteja voltada para saúde, meio ambiente, sua formulação, embalagem, testes em animais e a forma de descarte.

Estudos já mostram que mais de 32% da população brasileira se preocupa em ser sustentável na hora de decidir o que comprar. Segundo a médica dermatologista, Evandra Nogueira, membro titular da Sociedade Brasileira de Dermatologia e Sociedade Brasileira de Cirurgia Dermatológica, isso acontece não só por questões racionais, mas também por questões emocionais, que são os sentimentos associados a sentir-se bem fazendo melhores escolhas para si e para o sistema socioambiental como um todo.

Médica atua na área de desenvolvimento de produtos dermatológicos de uso tópico

“Os consumidores se sentem mais seguros, mais criativos, mais independentes de padrões impostos à beleza, e pertencentes a uma causa ao consumirem estes produtos” afirma a médica, que atua na área de desenvolvimento de produtos dermatológicos de uso tópico.

A dermatologista ressalta que esse cenário proporciona um promissor desenvolvimento de produtos de origem vegetal, os quais, além de inovadores e pioneiros, possuem matéria-prima abundante em todo o território nacional. “O Brasil é um país conhecido mundialmente pela sua enorme biodiversidade, o que garante vantagem competitiva na conquista do mercado exportador. Sem falar no impacto positivo no meio ambiente que esses artigos irão acarretar”, acrescenta.

A dermatologista, que tem um público grande de pacientes jovens, afirma que a preocupação com o meio ambiente e com o bem-estar é uma realidade que vem crescendo dentro do seu consultório e que todos os médicos devem estar atentos a este movimento para melhor orientar seus pacientes. Mas ela faz uma ressalva. “É importante que se diga que não é porque o produto é natural que ele é isento de complicações. Os cosméticos naturais também podem oferecer risco à saúde. Por isso, é importante buscar produtos com eficácia comprovada e empresas já renomadas na fabricação de dermocosméticos”, orienta.

Existem alguns tipos de cosméticos sustentáveis, os naturais, os veganos, os orgânicos e cruelty-free, são alguns exemplos de cosméticos sustentáveis. O produto natural é aquele que não contém aditivos químicos e sintéticos (ou se até 95% de sua composição for de matérias-primas de origem natural). O orgânico é oriundo de matérias-primas ecologicamente corretas, sustentáveis e certificadas por empresas como USDA, Ecocert, IBD. O vegano é aquele que não é composto de ingredientes de origem animal. E o cosmético cruelty-free é um produto que não foi testado em animais.


Tópicos
Compartilhe
Não venda minhas informações pessoais

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Podcast

Selecione seus podcasts

atualizar