mais

Devido greve, cadeirantes ficam sem transporte em Teresina

Categoria esteve reunida, nesta segunda-feira (12), com Superintendência Municipal de Transportes e Trânsito (Strans) para solucionar o serviço

Cerca de dois mil cadeirantes estão sem a capacidade de se deslocar em Teresina por conta da paralisação do Transporte Eficiente. Nesta segunda-feira (12), sexto dia de paralisação, o Sindicato da categoria esteve reunido em tratativa com representantes da Superintendência Municipal de Transportes e Trânsito (Strans).

"O não pagamento dos meses de dezembro, fevereiro e março para a empresa que operacionaliza o transporte eficiente, se deu por conta de uma pendência administrativa”, disse Wilson Gomes, presidente do Sindicato dos Cadeirantes de Teresina.

Na reunião, a Strans explicou que há um indicativo de licitação para novas empresas que queiram operar esse sistema.  "A Strans confirmou que há 18 empresas interessadas, mas sem detalhe de quando seria a licitação e se realmente iria haver", completou Wilson Gomes. Conforme o sindicato, mais de 2 mil cadeirantes estão cadastrados no Transporte Eficiente e, diariamente, em torno de 200 a 300 pessoas utilizam o serviço na Capital.

O encontro com o superintendente da Strans, major Claudio Pessoa, teve o objetivo de solucionar a situação entre a empresa Santa Cruz e o órgão responsável. Desde a terça-feira (6/4), os cadeirantes estão sendo prejudicados pela suspensão do serviço. "Quem sofre são as pessoas mais carentes que precisam de tratamento médico, que necessitam de hemodiálise ou fisioterapia e tantas outras atividades ", justifica o presidente.

Devido greve, cadeirantes ficam sem transporte em Teresina - Imagem 1

Transporte Eficiente Teresina - Foto: Reprodução

Frota reduzida

Em alguns dias da semana passada apenas 50% da frota trafegou. Na manhã desta segunda-feira (12), o serviço parou em sua totalidade. 

"Teve um dia que rodaram apenas quatro carros, sendo que são 18. De quinta a sábado o transporte parou 100%", afirmou Wilson Gomes. O transporte eficiente funciona de domingo a domingo, inclusive aos feriados.

A Strans afirmou, por meio de nota, que está aguardando a regularização de pendências de documentos junto à Procuradoria Geral do Município para realizar o repasse à empresa Santa Cruz. 

“Sobre a greve dos funcionários da empresa, a Strans não interfere nas questões trabalhistas. No que diz respeito ao pagamento da empresa, estamos aguardando apenas o trâmite burocrático para a realização do pagamento”, afirmou.

Tópicos

comentários

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Desbloquear Notificações

Como desbloquear notificações

Na barra de endereço, clique no cadeado e em Notificações escolha a opção permitir, como na imagem abaixo

desbloqueio de notificação push

Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail