Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail

mais
URGENTE
Acidente em aeroporto de Teresina causa confusão em voôs para todo o país
Baixe o nosso APLICATIVO
ESCOLHA A LOJA ABAIXO: Google Play AppStore

Bolsas européias caem com venda do banco Bear Stearns

As ações dos bancos foram as mais atingidas, devido ao temor com a venda do Bear Stearns

Bolsas européias caem com venda do banco Bear Stearns
Bolsas européias caem com venda do banco Bear Stearns | Divulgação
Compartilhe

As Bolsas europ?ias apresentam queda acentuada nesta segunda-feira. O movimento de queda tamb?m foi registrado nas Bolsas da ?sia, e ocorre devido ? decis?o do banco americano JP Morgan Chase comprar o Bear Stearns por US$ 236 milh?es. Na semana passada, o presidente do Bear, Alan Schwartz, j? havia admitido problemas de liquidez no banco.

?s 7h45 (em Bras?lia), a Bolsa de Paris estava em baixa de 2,72%, operando com 4.467,13 pontos; a Bolsa de Amsterd? tinha baixa de 2,92%, operando com 419,69 pontos; a Bolsa de Mil?o perdia 2,58%, indo para 23.599 pontos; e a Bolsa de Zurique ca?a 3,51%, para 6.882,05 pontos.

?s 7h31 (em Bras?lia), a Bolsa de Londres tinha queda de 2,45%, indo para 5.493,90 pontos; e a Bolsa de Frankfurt perdia 3,35%, caindo para 6.235,44 pontos.

Mais cedo, ?s 6h20 (em Bras?lia), o ?ndice FTSEurofirst 300 que re?ne as a?es das principais empresas europ?ias tinha queda de 3,2%, indo para 1.215,32 pontos.

As a?es dos bancos foram as mais atingidas, devido ao temor de que a venda do Bear Stearns sinalize uma onda de novas perdas no setor banc?rio, decorrentes da crise de cr?dito nos EUA e que tem abalado os mercados financeiros mundiais h? meses.

Entre os pap?is que mais ca?am estavam os do UBS, Royal Bank of Scotland e Barclays, todos com perdas de mais de 8%. As a?es do HBOS e do Alliance & Leicester (mais ligados ao setor de financiamentos imobili?rios, em particular hipotecas) ca?am mais de 11%.

"Todos est?o se perguntando qual ser? o pr?ximo. H? um "Bear Stearns" na Europa, os bancos de investimentos come?ar?o a quebrar?", disse ? ag?ncia de not?cias Reuters o estrategista Edmund Shing, do BNP Paribas.

"Est? claro que o Bear Stearns era de longe o banco mais exposto a t?tulos ligados a hipotecas em rela??o ao seu tamanho", afirmou. O Bear Stearns teve seu primeiro preju?zo trimestral, de US$ 854 milh?es (de US$ 6,90 por a??o), no per?odo encerrado no dia 30 de novembro, contra um lucro l?quido de US$ 563 milh?es um ano antes. O preju?zo ocorreu devido ? redu??o de US$ 1,9 bilh?o em seus ativos ligados ao setor imobili?rio em particular as hipotecas.

Na ?sia, as perdas tamb?m foram significativas. Em T?quio, o ?ndice Nikkei 225 caiu 3,7%, na maior queda em mais de dois anos e meio; em Hong Kong, o ?ndice Hang Seng fechou o preg?o com queda de 5,2%; nos outros mercados na regi?o da ?sia-Pac?fico foram registradas perdas, incluindo em Austr?lia, China, Cor?ia do Sul, indon?sia e Filipinas. Na ?ndia, o ?ndice Sensex caiu 5,1 %.

Fed

Ontem tamb?m, em uma rara reuni?o de fim de semana, o Federal Reserve (Fed, o BC americano) cortou sua taxa de redesconto (usada para conceder empr?stimos de curto prazo a institui?es com escassez tempor?ria de liquidez) em 0,25 ponto percentual, at? 3,25%.

A decis?o ? mais uma tentativa de evitar uma recess?o na economia americana, devido ? crise de cr?dito. O secret?rio do Tesouro dos EUA, Henry Paulson, disse ontem que o governo americano est? "preparado para fazer o que for necess?rio" para garantir a estabilidade do sistema financeiro.

O Fed anunciou na semana passada que ir? ampliar seus esfor?os para combater a crise de cr?dito no pa?s, que afeta tamb?m os mercados financeiros mundiais. O banco anunciou uma ajuda de US$ 200 bilh?es em dinheiro para institui?es financeiras em dificuldade.

"Press?es em alguns desses mercados aumentaram mais uma vez recentemente", informou o Fed em um comunicado. "Todos n?s continuamos a trabalhar em conjunto e tomaremos as medidas apropriadas para lidar com as press?es sobre a liquidez."

A desconfian?a dos investidores em rela??o ? economia dos EUA, ap?s a redu??o da taxa de redesconto, fez com que o euro batesse novo recorde de valoriza??o em rela??o ao d?lar: a moeda europ?ia foi negociada a US$ 1,5904.


Tópicos
Compartilhe
Não venda minhas informações pessoais

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Podcast

Selecione seus podcasts

atualizar