Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail

mais
URGENTE
Acidente em aeroporto de Teresina causa confusão em voôs para todo o país
Baixe o nosso APLICATIVO
ESCOLHA A LOJA ABAIXO: Google Play AppStore

Depois da carne e feijão, Fortaleza tem alta recorde de 20,33% no preço do arroz

Em março passado, a variação foi de 1,93% frente ao mês anterior

Depois da carne e feijão, Fortaleza tem alta recorde de 20,33% no preço do arroz
Fortaleza tem alta recorde de 20,33% no preço do arroz | Diário do Nordeste
Compartilhe

Mais um item da alimenta??o entra na lista dos produtos com altos ?ndices de pre?os nos ?ltimos meses. Depois da carne e do feij?o, junto com a soja, trigo e milho, o popular arroz apresentou aumento nos ?ltimos 12 meses de 20,33% no seu valor, segundo o Departamento Intersindical de Estat?stica e Estudos Socioecon?micos (Dieese). ? a maior varia??o registrada em mar?o deste ano, entre as 16 cidades brasileiras pesquisadas pela entidade.

O supervisor t?cnico da entidade no Cear?, Reginaldo Aguiar, explica que a alta do pre?o do arroz deve-se ? eleva??o do pre?o internacional das commodities. ?O Brasil est? sentindo o reflexo da crise mundial de alimentos?, analisa. De acordo com ele, h? esfor?os no mercado interno para manter a trajet?ria crescente do pre?o deste cereal. ?Detectamos que h? produtores de arroz pressionando a subida dos pre?os na Pa?s?, afirma. ?Essa ? uma barreira para n?o deixar de exportar o produto. Temos que aguardar o equacionamento desta quest?o?, ressalta.

Ao analisar a s?rie hist?rica do pre?o deste gr?o, observando dados do Dieese, o pre?o apurado em mar?o deste ano (R$ 5,80 para 3,6 quilos) ? maior que o de junho do ano passado (R$ 5,76) quando, segundo Aguiar, houve um pico no pre?o do arroz. ?O valor estava baixo em outubro de 2005, a R$ 3,96 [para 3,6 quilos]?, comenta. ?A tend?ncia de alta come?ou em mar?o de 2006, com o pre?o da R$ 4,01. Depois de um pico em junho do ano passado, o valor registrou queda no m?s seguinte, mas retomou o aumento em setembro, estabilizando em dezembro. Em fevereiro deste ano, come?ou de novo a crescer?.

Em mar?o passado, a varia??o foi de 1,93% frente ao m?s anterior. Para Reginaldo Aguiar, o pre?o ?tende a se manter alto ou se elevar?.

Supermercados

O diretor executivo da Super Rede, Paulo ?ngelo Cardillo, estima que em setembro pr?ximo o pre?o do arroz deve come?ar a se estabilizar. ?Mas, vai ser ainda um pre?o alto?, observa. Ele explica o porqu? dessa maior eleva??o registrada em Fortaleza. ?Os supermercados trabalham com uma margem de lucro estrangulada para o arroz?, diz.

Segundo ele, o consumidor ainda n?o substituiu o produto por outro nas compras de alimenta??o. ?? que tamb?m ouve aumento das massas por conta da eleva??o do trigo?, comenta Cardillo. ?Mas, o consumidor vai levar aquilo que o bolso ag?enta?. Ele aponta outras vantagens para a cesta de alimenta??o. ?O frango e o feij?o est?o com pre?os est?veis e n?o h? risco de faltar arroz?.


Tópicos
Compartilhe
Não venda minhas informações pessoais

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Podcast

Selecione seus podcasts

atualizar