Um jovem de 18 anos morreu após ter sido atingido no rosto por um disparo de arma de fogo em Fraiburgo, no Oeste catarinense, enquanto ajudava o tio a abater um porco. Segundo a Polícia Militar, que atendeu a ocorrência na sexta-feira (17), o homem teria acertado acidentalmente o sobrinho, que morreu no local. A Polícia Civil foi acionada.

Jovem era estudante de engenharia e morreu com tiro no rosto Jovem era estudante de engenharia e morreu com tiro no rosto 

Segundo relatório da PM, a equipe foi chamada por um morador, que escutou tiros de uma residência nas proximidades, no bairro Linha Brasília. A dinâmica do acidente não foi divulgada pelos policiais.

Vinicius Fioreze era estudante de Engenharia Química na Universidade do Oeste de Santa Catarina (Unoesc) em Videira, também no Oeste. A unidade de ensino emitiu uma nota de apoio aos familiares.

De acordo com os bombeiros, quando a equipe de resgate chegou, o jovem já tinha morrido. O atestado de óbito foi confeccionado pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu).

Repercussão

Nas redes sociais, amigos e familiares lamentaram a morte do jovem. "Um grande e inexplicável sentimento de pesar pela sua perda", comentou uma pessoa, que definiu Vinicius como "um jovem do bem". O corpo de Vinicius foi sepultado no sábado (18) em Fraiburgo.

Universidade divulgou nota de pesar Universidade divulgou nota de pesar