Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail

mais
URGENTE
Acidente em aeroporto de Teresina causa confusão em voôs para todo o país
Baixe o nosso APLICATIVO
ESCOLHA A LOJA ABAIXO: Google Play AppStore
curiosidades rede meionorte blogs notícias entretenimento esportes cidades carros

Festividades para Nossa Senhora Aparecida devem reunir 228 mil pessoas

Romeiros de todo País vistam o santuário de Nossa Senhora Aparecida

Compartilhe

 Cerca de 228 mil romeiros são esperados neste domingo e segunda no Santuário Nacional de Aparecida para as festividades em louvor à Nossa Senhora Aparecida, padroeira do Brasil. O movimento maior deve acontecer hoje na Basílica Nacional, maior templo mariano do mundo e a segunda maior basílica, perdendo apenas para a de São Pedro, no Vaticano.

Peregrinos vindos de todas as regiões do País chegam com o objetivo rezar e pagar promessas no interior do Basílica Nacional, que abriga a imagem da santa, encontrada por três pescadores no rio Paraíba, em 1717. Desde a manhã de ontem o movimento é intenso na igreja, principalmente na área que dá acesso onde está a imagem de Nossa Senhora Aparecida e também nos pontos utilizados para pagamentos de promessas, como as salas das Velas e das Promessas e a Passarela da Fé.

A passarela, que tem 392 m de comprimento, é um dos pontos mais visitados da cidade e liga o Santuário Nacional, onde está a imagem da padroeira, até a Basílica Velha, local que abrigou a imagem por 270 anos. De acordo com a administração do Santuário Nacional, Aparecida recebe anualmente cerca de 9,5 milhões de romeiros. A igreja comporta 45 mil pessoas em cada missa. Muitos peregrinos chegam à cidade a pé após percorrer centenas de quilômetros para pagar promessas. Durante o trajeto muitos carregam cruzes de madeira, maquete da igreja e a imagem da santa.

O tráfego de veículos é intenso desde a noite de sexta-feira na rodovia Dutra, principal via de acesso a Aparecida. Segundo o inspetor Alexandre de Freitas, da 8ª Delegacia de Polícia Rodoviária Federal, o maior movimento de veículos neste domingo deve ser registrado entre 7h e 10h, e entre 17 e 20h.

"A fiscalização será intensificada ao longo de toda a rodovia no trecho entre São Paulo e Rio de Janeiro, principalmente no período da tarde e início da noite, no retorno dos romeiros", afirmou Freitas. Hoje a igreja tem em sua programação seis missas e o encerramento da Novena de Nossa Senhora, às 19h, além de procissão, ás 21h, e em seguida a vigília. Há 56 anos as festividades em louvor à padroeira são realizadas no dia 12 de outubro, data determinada pela Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), para que houvesse uma associação com o descobrimento da América. A data também coincide com o Dia das Crianças, já que Nossa Senhora é considerada pela Igreja Católica como a mãe dos cristãos.

Dia da padroeira

O ponto alto das festividades em Aparecida será amanhã, com a celebração de missas, procissão e show católico com o padre Fábio de Melo, que fará o lançamento do CD e DVD Eu e o Tempo. Os festejos em louvor à padroeira serão iniciados ainda de madrugada, ás 5h com alvorada festiva e ás 5h30 missa de abertura. Este ano a festa tem como tema "Pelas Mãos da Senhora Aparecida encontramos Jesus". A celebração das 8h será presidida pelo reitor do Santuário Nacional, padre Darci Nicioli e contará com a presença do astronauta brasileiro Marcos Pontes, que conduzirá a imagem da santa até o altar central.

A missa solene de 12 de outubro será iniciada ás 10h, pelo arcebispo de Salvador (BA), Dom Geraldo Magela, que irá coroar a imagem de Nossa Senhora Aparecida. A soprano Sylvia Klein fará uma homenagem á padroeira e o ator Eriberto Leão conduzirá a imagem até o altar. O arcebispo de Aparecida e presidente do Celam (Conselho Episcopal Latino Americano), Dom Raymundo Damasceno Assis, não participará das celebrações porque está em Roma participando da 2ª Assembleia Especial para a África do Sínodo dos Bispos.

Amanhã, em Roma, o arcebispo presidirá a missa em honra à Nossa Senhora Aparecida, na capela dedicada à Padroeira do Brasil, no Pontifício Colégio Pio Brasileiro, em Roma. O convite para a celebração foi feito pelo padre reitor do colégio, João Roque Rohr. Participarão da missa autoridades civis e militares, o embaixador do Brasil junto a Santa Sé, Luiz Felipe de Seixas Correa e também a comunidade brasileira em Roma. A missa será ás 17h (horário de Roma), 12h, hora de Brasília.


Tópicos
Compartilhe

veja também

Não venda minhas informações pessoais

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Podcast

Selecione seus podcasts

atualizar