Firjan cassa medalha concedida ao ex-governador Sérgio Cabral

Foi a primeira vez que a federação cassou a homenagem

A Federação das Indústrias do Rio de Janeiro (Firjan) cassou a Medalha do Mérito Industrial do Rio de Janeiro que foi concedida ao ex-governador Sérgio Cabral ainda durante o seu mandato, em 2008.

Segundo a Firjan, essa foi a primeira cassação desde que a medalha começou a ser concedida, em 1965, a personalidades nacionais e estrangeiras, por relevantes serviços prestados à indústria fluminense.

Na semana passada, Cabral, foi condenado a 45 anos de e 2 meses de prisão por corrupção passiva, lavagem de dinheiro e pertencimento a organização criminosa, todos investigados na Operação Calicute, um dos desdobramentos da Lava Jato.

Sérgio Cabral (Crédito: Reprodução)
Sérgio Cabral (Crédito: Reprodução)

Nesta segunda (25), o Ministério Público Federal (MPF) informou que vai recorrer da sentença. O órgão quer que o cálculo da pena mude, e que Cabral receba 86 anos e oito meses de prisão.

Entre os homenageados pela Medalha do Mérito Industrial figuram personalidades como o ex-presidente da República Fernando Henrique Cardoso, o ex-presidente do Supremo Tribunal Federal (STF) Joaquim Barbosa e o ex-presidente do Banco Central e atual ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, além de empresários como Olavo Monteiro de Carvalho e Jorge Gerdau Johannpeter.

Fonte: Com informações do G1
logomarca do portal meionorte..com