Governador trata de ações de saneamento básico com banco alemão

Projetos promovidos no semiárido serão replicados em outras regiões

O governador Wellington Dias reuniu-se, na tarde de quinta-feira (08), com o representante da rede de bancos alemães KfW, Thomas Wittur, e representantes do Programa de Saúde e Saneamento Básico na Área Rural (Prosar). Na oportunidade, o chefe do executivo estadual garantiu a expansão de recursos na execução de projetos de abastecimento de água e esgotamento sanitário para o estado.

O foco são cidades com menos de 15 mil habitantes e localidades rurais do interior e da capital. No início de 2017 o governo do estado pretende operacionalizar cerca de R$ 70 milhões de euros via banco alemão, também para abastecimento hídrico e saneamento básico dos territórios piauienses.

No âmbito do Programa de Saúde e Saneamento Rural (Prosar), através dos programas Piauí I e II, o estado angariou recursos na ordem de R$ 10 milhões de euros com Kreditanstalt für Wiederaufbau (KfW). Ao todo, cerca de 45 comunidades foram contempladas, atendendo cerca de 35 mil pessoas dos territórios Vale do Guaribas, Vale do Sambito e Serra da Capivara, com acesso a água de qualidade e em quantidade suficiente, diminuindo as internações hospitalares, índice de mortalidade infantil e promovendo melhor qualidade de vida das pessoas, além de fomentar a produção de alimentos.

“Nós estamos comemorando a conclusão de projetos em 44 municípios com recursos do KfW e do governo do estado, aliado a parcerias, em alguns casos, com a própria Funasa (Fundação Nacional de Saúde). É um sistema aprovado e consistente, no qual é possível, em povoados e pequenas cidades, garantir a autonomia na gestão de um sistema de água e de esgotamento. Ou seja, fornecer água de qualidade, água tratada e um sistema de manutenção, com pessoas qualificadas e, ao mesmo tempo, com um sistema de cobrança com baixa inadimplência, na casa de 1-2%  no máximo. Isso é algo muito destacado para a realidade brasileira”, pontuou o governador Wellington Dias.

Dentre as atividades executadas, destacam-se a finalização dos projetos de Serviço de Abastecimento de água em Santa Cruz dos Milagres e São João da Varjota. Outras ações também estão em fase de conclusão na cidade de Tanque do Piauí, onde há parceria com a Funasa. Para a Coordenadoria de Fomentos ao Saneamento Rural (CFSR), o objetivo da cooperação financeira com o banco alemão é promover a autossustentabilidade na gestão dos sistemas de abastecimento de água nas zonas rurais. 

“Os sistemas dependem muitos das prefeituras e isso é um onto negativo. Por exemplo, quando se queima uma determinada bomba em uma localidade, tem municípios que passam de 30 a 60 dias para substituir essa bomba e a comunidade sofre com a falta d’água. Na nossa proposta, a comunidade é preparada para administrar o sistema de abastecimento. Dea forma, ela se torna autossustentável e independente do gestor municipal. Se houver algum problema com uma bomba ou na tubulação, a própria comunidade dispõe de recursos para poder fazer toda a operação”, explica o coordenador Gilberto Medeiros.

Ainda para tratar de agenda de negociação com a KfW, Wellington Dias pretetende faer uma viagem oficial à Alemanha, em janeiro de 2017. O intuito é firmar a operação de crédito, apresentada em 2015, no valor de R$ 70 milhões de euros. “Com esse valor é possível que o Piauí, com um complemento de recursos próprios, universalize o serviço não só nas sedes dos municípios abaixo de 15 mil habitantes, mas também garante as condições de atender a zona rural, inclusive as cidades maiores, como Teresina. O objetivo é suprir a necessidade da população nessa área de abastecimento de água, que é uma responsabilidade do estado”, garante Dias.

Saúde e Saneamento
O Programa de Saúde e Saneamento Rural (Prosar) tem o objetivo de garantir a melhoria dos hábitos de higiene e, consequentemente, da saúde de comunidades piauienses. As ações incluem a construção de redes de distribuição de água tratada e esgotamento sanitário. Além disso, a equipe do Estado também conta com assistência social que atua na formação e educação de ações socioambientais.

Fonte: Com informações do Portal do Governo
logomarca do portal meionorte..com