Homem é flagrado agredindo idosa com tapas em praça de São Paulo

O vídeo viralizou na web e a polícia tenta identificar o agressor

A Polícia está a procura de um homem, ainda não identificado, que aparece em um vídeo que viralizou nas redes sociais, agredindo uma idosa na Praça Barão do Rio Branco, em São Vicente, litoral de São Paulo. O fato aconteceu nesta quinta-feira (26) e foi gravado por uma pessoa que estava no local e testemunhou a agressão.

O vídeo tem oito minutos e é possível ver a idosa sendo agredida com tapas, empurrões e beliscões.

A testemunha, identificada como Luciana de Oliveira, 39 anos é paisagista, e estava com o marido, disse que acionou pelo telefone 190 a Polícia Militar que não chegou a tempo.

"Ao todo, foram mais de 20 minutos batendo nela. O cara esperava o sinal abrir e os carros se movimentarem para agredi-la. Eu acho que são mãe e filho, e eu não tive o que fazer, senão chamar a polícia. Foi algo absurdo", contou Luciana.

A paisagista disse que decidiu não ir até onde estavam o agressor e a idosa por receio do que viesse acontecer.

"A única coisa que eu poderia fazer era filmar, para provar e chamar a polícia. Foi o que eu fiz. Mas imagina o que acontece dentro da casa deles? Deve ser algo muito pior. Ele tem que ser pego", relata indignada.

Homem agride idosa com tapas em praça de São Paulo
Homem agride idosa com tapas em praça de São Paulo


As imagens, segundo Luciana, será entregue, oficialmente, nesta sexta-feira (27) na delegacia especializada da cidade.

O vídeo foi postado em uma rede social e até o momento foi compartilhado mais de 320 mil vezes.

Segundo o Comando da Polícia Militar da região, a ligação com a denúncia foi recebida por volta das 14h e a viatura chegou ao local às 14h20, mas não encontrou ninguém. Mas, informou que estão tentando, através das imagens, localizar o homem que aparece no vídeo.

A Polícia Civil informou também que ao tomar conhecimento do vídeo deslocou policiais para fazerem buscas até a região próxima à praça na tentativa de identificar os dois, agressores e vítima. Assim que localizado, os dois deverão ser encaminhados à delegacia

Em nota, a Prefeitura de São Vicente informou, por meio da Assessoria de Políticas Públicas da Mulher, que está acompanhando o caso e tentando auxiliar a Polícia Militar e a Guarda Civil Municipal (GCM) nas investigações para identificar o homem.

"Representantes da assessoria estarão na manhã desta sexta-feira na Delegacia da Mulher do município para tratar do assunto. O corpo jurídico do setor também está à disposição da idosa, podendo ser procurado no Paço Municipal", informou no comunicado oficial.

Todos os órgãos informaram que munícipes que conheçam ou tenham qualquer informação sobre os envolvidos no caso podem acionar, mesmo que de forma anônima, as autoridade pelo Disque Denúncia 181 ou pelo Disque Denúncia Contra Violência à Mulher 180.

VÍDEO:

Fonte: g1
logomarca do portal meionorte..com