Homem mata o filho de 14 anos após descobrir que o garoto era gay

"Ele odiava o fato de que seu filho era gay", disse a mãe adotiva

Um homem foi preso após ter matado o filho com um tiro após descobrir que o garoto era gay. Giovanni Melton, um jovem de 14 anos de Henderson, nos Estados Unidos, foi morto pelo pai, Wendell Melton, enquanto os dois discutiam.

"Ele odiava o fato de que seu filho era gay", disse a mãe adotiva de Giovanni, Sonia Jones, aos policiais. "Eu tenho certeza que na cabeça dele, ele preferia ter um filho morto do que um filho gay." 

Policiais foram até o apartamento após receberam reclamações dos vizinhos, e quando chegaram ao local encontraram Giovanni gravemente ferido. Ele foi levado ao hospital mas não resistiu aos ferimentos. 

Wendell foi preso na sexta (3) sob acusações de homicídio, abuso de menor e posse ilegal de arma de fogo. Não se sabe se ele será acusado também por crime de ódio. 


Fonte: Com informações da UOL
logomarca do portal meionorte..com