Indústria da Construção Civil demite 13 mil trabalhadores em 2016

Foram 13 mil operários demitidos por causa da crise

O presidente do sindicato da Indústria da Construção Civil, André Baia, afirmou que em 2016 o setor demitiu 13 mil operários por causa da crise, reduzindo de 33 mil trabalhadores que estavam contratados até dezembro de 2015 e hoje são 20 mil os contratados, com redução de 40%. Segundo ele, de 2014 para o final deste ano, foram demitidos 20 mil operários, com a redução de 50% da mão de obra, porque em 2014, a indústria da construção civil tinha 40 mil operários.

André Baia foi para a Assembleia Legislativa manifestar apoio a aprovação da Proposta de Emenda Constitucional (PEC) dos gastos do Governo do Estado que vincula aumento de gastos públicos e reajustes salariais dos servidores públicos estaduais ao aumento em 10% dos investimentos em relação a receita corrente líquida do estado.

Construção civil
Construção civil


Ele disse que as expectativas para 2017 não são muito boas porque a indústria de construção civil só volta com força quando o país recuperar sua economia.

“Não adianta tomar medidas pontuais, as medidas de fundo é o controle dos gastos. O país tem que estar ajustado economicamente para permitir que os setores da economia volte a crescer e para isso é preciso que o estado esteja organizado”, declarou.

Fonte: Com informações do Efrem Ribeiro
logomarca do portal meionorte..com