Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail

mais
URGENTE
Acidente em aeroporto de Teresina causa confusão em voôs para todo o país
Baixe o nosso APLICATIVO
ESCOLHA A LOJA ABAIXO: Google Play AppStore

Inflação dispara e Bolsonaro prioriza imposto 0% para importar pistola

Os preços dos alimentos subiram 16% nos últimos 12 meses, mas para o governo cuidar dos preços das armas é mais importante

Compartilhe

Entender a lógica do presidente brasileiro Jair Bolsonaro é difícil por que ultrapassa, sem sombras de dúvidas, as raias da sensatez. Ora, a nova prioridade dele agora é zerar os impostos da importação de pistolas e revólveres. Informações do É assim.

A inflação está em disparada. A carestia do custo de vida é assustadora e a fome toma conta de grande parte da população brasileira. Os preços dos alimentos subiram 16% nos últimos 12 meses, segundo dados do IBGE, que mede o Indice Geral de Preços no País.

Presidente prioriza reduzizr imposto de armas em meio a inflação de alimentos-Foto: Agência Brasil

Mas, o que preocupa o mandatário do Planalto é o preço das armas.

Tanto que zerou a alíquota do imposto de importação de revólveres e pistolas, medida publicada nesta quarta-feira, 9, em portaria do Comitê Executivo de Gestão da Câmara de Comércio Exterior (Gecex),  no Diário Oficial da União.

Atualmente, a alíquota é de 20%. A mudança começa a valer no dia 1º de janeiro de 2021.

E na medida que assinou, o presidente ainda destacou: “O Brasil unido, com a ajuda de todos os responsáveis, podemos ir longe”.

Bem. Se quer  “todo mundo armado”, como já disse, certamente levará muita gente para bem longe. Quem sabe para os campos de paz dos cemitérios.

Que disparem os preços do arroz, da carne, do frango, do feijão, do óleo, enfim, da cesta básica como um todo. O fundamental, para Bolsonaro, são as pistolas e revólveres…

É mais que um descaso. É a absoluta incapacidade de compreender o que é governar uma Nação, principalmente em um cenário econômico sombrio e numa crise de saúde, onde uma pandemia já vai atingindo as 180 mil mortes no País.

Só a patologia para estudar esse perfil danoso à sociedade.


Tópicos
Compartilhe
Não venda minhas informações pessoais

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Podcast

Selecione seus podcasts

atualizar