Casal é condenado por castigar os filhos com arma de chumbinho

Crianças tinham idades entre 7 e 15 anos

Um casal foi condenado por atirar com arma de chumbinho nos filhos como castigo por não fazerem as tarefas direito, segundo informações do tribunal da cidade de Blackpool, na Inglaterra. A punição foi considerada "bizarra e bárbara" pela Justiça. A dupla, que não teve os nomes revelados por questões legais, usou a arma nos cinco filhos durante quatro meses, informou o tribunal.

Os cinco filhos, com idades entre 7 e 15 anos, eram punidos com tiros de chumbinho por "infrações" como derrubar objetos no chão e não lavar a louça, segundo informou a imprensa britânica nesta terça-feira. O casal se declarou culpado de cinco acusações de abuso infantil. O pai, de 50 anos, foi condenado à prisão por dois anos, e a mãe, de 33 anos, foi colocada em liberdade condicional e condenada a prestar 200 horas de trabalho voluntário.

Crianças tinham idades entre 7 e 15 anos (Crédito: Reprodução)
Crianças tinham idades entre 7 e 15 anos (Crédito: Reprodução)

Durante o julgamento, o tribunal ouviu que o homem comprou a arma de ar comprimido em fevereiro de 2016 e começou a usá-la para atirar em aves e castigar diariamente os filhos. Uma das filhas, de 13 anos, levou um tiro após começar um namoro, porque o pai acreditava que ela era nova demais para isso. O pai era o responsável pela maior parte dos castigos e deixava a arma do lado do sofá. Mas a mãe assumia a função quando ele não estava em casa.

Os castigos foram descobertos em junho de 2016, quando a menina de 13 anos mostrou os machucados para a professora, que incluíam arranhados e uma ferida aberta na perna. Quando o casal foi preso, eles negaram as acusações e o pai alegou que só tinha usado uma arma de dardos de espuma nas crianças. Depois, os dois admitiram os abusos.

Fonte: Com informações do Extra