Grávida é impedida de entrar em restaurante devido roupa 'folgada'

Devido a gravidez e o frio ela usava uma roupa bem 'folgada'

A britânica Lynzi Brown, 33 anos, que está grávida, foi impedida de almoçar em um barzinho chamado Revolution, em Huddersfield, no Reino Unido, devido está usando roupas folgadas demais.

Lynz marcou de encontrar as amigas para um almoço e resolveu usar uma roupa um pouco mais folgada, devido a gravidez e também por causa do frio que está fazendo na cidade.

Lynzi foi proibida de entrar no restaurante por causa de suas roupas
Lynzi foi proibida de entrar no restaurante por causa de suas roupas

Segundo a britânica, o impedimento de almoçar no local aconteceu porque sua roupa não era social. "Eles me disseram que não servem os cllientes que não estão de roupas sociais. Isto é um horror! " disse.

"Eles não deixaram a gente entrar. Eu pedi para falar com o responsável, mas o rapaz que me disse isso falou que era o gerente do local. Na semana passada eu vim aqui com a mesma roupa e almocei, não acreditei no que aconteceu", acrescentou.

Lynzi que trabalha como professora de dança e também em um escritório conta que resolveu almoçar no local por ser mais próximo do emprego. Ela e as amigas foram para outro restaurante onde não tiveram problemas para entrar.

"Eu almoçava lá toda semana. Pode ter certeza que nunca mais voltarei lá depois disso", concluiu.

Lynzi foi proibida de entrar no restaurante por causa de suas roupas
Lynzi foi proibida de entrar no restaurante por causa de suas roupas
Lynzi foi proibida de entrar no restaurante por causa de suas roupas
Lynzi foi proibida de entrar no restaurante por causa de suas roupas




Fonte: r7