Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail

mais
URGENTE
Acidente em aeroporto de Teresina causa confusão em voôs para todo o país
Baixe o nosso APLICATIVO
ESCOLHA A LOJA ABAIXO: Google Play AppStore
curiosidades rede meionorte blogs notícias entretenimento esportes cidades carros

Paciente é expulso de hospital após 3 anos internado na China

O homem, de sobrenome Chen, sofreu um acidente de carro em agosto de 2011 e foi internado no hospital Jingmei da capital chinesa para receber tratamento.

Paciente é expulso de hospital após 3 anos internado na China
Paciente é expulso | REUTERS/Stringer
Compartilhe


Autoridades da China, na Ásia, expulsaram à força de um hospital de Pequim um paciente que estava no local há anos e não pagava a conta. O homem, de sobrenome Chen, sofreu um acidente de carro em agosto de 2011 e foi internado no hospital Jingmei da capital chinesa para receber tratamento.

Apesar de que ter tido alta um mês depois, teve que voltar a ser internado durante outros três meses devido a uma forte dor nas pernas, embora após este período de tempo os doutores deram o sinal verde para retornar para casa.

Chen, no entanto, insistiu que sentia muito dor e que era incapaz de ficar em pé por conta de uma tromboses venosa profunda- doença que costuma aparecer frequentemente em pacientes que não se levantam da cama durante muito tempo- e inclusive não foi ao casamento de seu filho por permanecer no hospital.

O paciente, que não tinha nenhum tipo de renda, se negou em repetidas ocasiões a abandonar o centro e acumulou uma conta de 2 milhões de iuanes (aproximadamente 285,7 mil euros), que nunca chegou a pagar, explicou um médico do hospital, Zhang Jinying, ao jornal "China Youth Daily". O hospital decidiu levar o caso aos tribunais, e embora Chen tenha alegado inicialmente que o centro tinha falsificado os resultados de seu estado de saúde, a justiça ordenou que o paciente devia abandonar o lugar.

As autoridades chegaram ao hospital na terça-feira pela tarde e encontraram Chen preso junto à cama, o que obrigou a polícia a quebrar o cadeado e tirar o paciente da clínica em uma cadeira de rodas sob supervisão oficial.


Tópicos
Compartilhe
Não venda minhas informações pessoais

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Podcast

Selecione seus podcasts

atualizar