Participante do "The Voice" é morto após sequestro no México

Participante do "The Voice" é morto após sequestro no México

O promotor de Veracruz, Amadeo Flores, afirmou que o crime aconteceu no sábado, depois de uma troca de tiros

A morte de um cantor popular no México, famoso por participar do programa ?The Voice?, causou comoção no país e reabriu um debate sobre a violência. Autoridades mexicanas encontraram no sábado o corpo de Gibran David Martiz e de um menor que havia sido sequestrado no dia 7 de janeiro em Xalapa, capital de Veracruz. Sete policiais foram detidos na investigação.

O promotor de Veracruz, Amadeo Flores, afirmou que o crime aconteceu no sábado, depois de uma troca de tiros entre policiais e um grupo de ladrões, no município de Huatusco. No tiroteio, morreram dois suspeitos. A polícia acusa o bando pela morte dos jovens, mas, de acordo com a família do cantor, ele e o menor foram retirados à força de casa, por pessoas armadas que vestiam uniforme policial. Um carro roubado foi encontrado no local do crime, com vários uniformes policiais, um colete, oito armas e cartuchos, além de maconha.

- Oito vizinhos presenciaram toda a cena. Eles declaram que três patrulhas policiais levaram meu filho - disse Efraín Martiz, pai do cantor.

Efraín espera que a morte sirva para mudar a situação de violência no país.

- Se investigarem o caso até as últimas consequências, poderemos melhorar e limpar os corruptos do sistema. Que isso sirva para melhorar as coisas.

Gibrán David Martiz tinha 22 anos e participou no ano passado da 3ª edição do reality show. Depois de passar pelo programa, o cantor de reggaeton seguiu a carreira no grupo Gbran & Malak. Antes da fama, ele vendia bíblias de porta em porta em sua cidade.

Fonte: O Globo
logomarca do portal meionorte..com