Passageiro é picado por escorpião em voo da United Airlines

A última semana não foi nada fácil para a companhia aérea.

A última semana não foi nada fácil para a companhia aérea americana United Airlines. No mesmo dia em que o passageiro David Dao foi retirado à força de um de seus voos, outro passageiro levou uma picada de escorpião a bordo de uma outra aeronave.

O passageiro era Richard Bell, que viajava com a esposa Linda Bell de Houston, nos Estados Unidos, para Calgary, no Canadá. “Enquanto eu estava comendo, alguma coisa caiu no meu cabelo do compartimento de bagagens acima de mim”, disse à rede canadense CBC.

“Eu o segurei pela cauda, então neste momento ele não poderia me picar”, disse. Foi quando um outro passageiro o alertou do perigo que o animal representava.

“Eu, então, soltei o escorpião na minha bandeja e depois tentei pegá-lo de novo, mas foi quando ele me picou.” O susto foi tanto que Bell soltou o animal no chão do corredor e uma comissária o prendeu com um copo. Em seguida, ela jogou o escorpião dentro de uma privada na aeronave.

Segundo Bell, a equipe de comissários imediatamente prestou auxílio ao casal, retirando-os de seus assentos originais. Eles também fizeram ligações para descobrir se o escorpião era venenoso ou não.

Ao pousarem em Calgary, uma equipe médica já estava esperando Bell para levá-lo ao hospital. Ele foi liberado logo em seguida, sem problema algum.

A esposa dele, Linda, contou que a United ofereceu crédito em viagem ao casal por causa do acontecido, e que eles aceitaram. Eles não pretendem processar a companhia aérea.

Veja abaixo o vídeo disponibilizado pela rede CNN no YouTube com a entrevista de Bell à canadense CBC e o momento em que ele foi picado pelo escorpião:


Fonte: Exame
logomarca do portal meionorte..com