Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail

mais
URGENTE
Acidente em aeroporto de Teresina causa confusão em voôs para todo o país
Baixe o nosso APLICATIVO
ESCOLHA A LOJA ABAIXO: Google Play AppStore
curiosidades rede meionorte blogs notícias entretenimento esportes cidades carros

Sete marinheiros desaparecem após colisão entre navios

Ao menos 2 ficaram feridos - entre eles o comandante

Sete marinheiros desaparecem após colisão entre navios
Navio | Reprodução
Compartilhe
Google Whatsapp

Sete marinheiros do destróier americano USS Fitzgerald estão desaparecidos e ao menos dois ficaram feridos - entre eles o comandante, Bryce Benson - após o navio colidir com um cargueiro filipino em águas próximas ao Japão neste sábado (17), informou a Guarda Costeira japonesa.

O choque ocorreu às 2h30 (horário local, 14h30 de sexta em Brasília), a cerca de 100 km de Yokosuka e a 20 km do litoral da província de Shizuoka. Imagens mostram danos consideráveis no lado direito do navio militar americano. O cargueiro aparentemente sofreu menor avaria com a colisão.

Dano causado ao USS Fitzgerald após o destróier colidir com um navio mercante com bandeira das Filipinas neste sábado (Crédito: Reprodução)
Dano causado ao USS Fitzgerald após o destróier colidir com um navio mercante com bandeira das Filipinas neste sábado (Crédito: Reprodução)

A Marinha americana e a Guarda Costeira japonesa informaram que o cargueiro envolvido na colisão é o filipino ACX Crystal. O navio tem 223 metros de comprimento e 29 toneladas, segundo a rede de televisão "NHK".

O USS Fitzgerald não corre risco de naufragar, mas não pode navegar sozinho e necessita da assistência de rebocadores, segundo fontes da Marinha americana citadas pela rede de televisão "CNN".

Dano no navio mercante com bandeira das Filipinas que se chocou com o destróier USS Fitzgerald na costa do Japão (Crédito: Reprodução)
Dano no navio mercante com bandeira das Filipinas que se chocou com o destróier USS Fitzgerald na costa do Japão (Crédito: Reprodução)

Cinco embarcações da Guarda Costeira japonesa e dois aviões foram deslocados para os trabalhos de resgate e de busca por desaparecidos.

Às 9h locais (21h de sexta em Brasília), o USS Fitzgerald navegava rumo à base de Yokosuka, a principal dos EUA no Japão, destinada a apoio em missões de paz e segurança na região da Ásia banhada pelo Oceano Pacífico.


Tópicos
Compartilhe
Google Whatsapp
Carregar os comentários (0)

comentários

fechar comentários
Nenhum comentário feito até o momento

veja também

Recomendamos

Localização

Definir a localização padrão

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Fique por dentro

Receba notícias quentinhas diretamente no seu whatsapp

Continuar

Falta pouco, agora escolha as categorias que deseja receber notícias

Aperte (ctrl + clique) para selecionar vários
Pronto!

Agora você passará a receber novidades diretamente no seu whatsapp.

Termos de uso

Texto

Política de privacidade

Texto