Internada com câncer agressivo, mulher morre 18h após se casar

Paciente de 31 anos com tumor de mama agressivo se vestiu de noiva

Uma americana de 31 anos que lutava contra um câncer agressivo morreu 18 horas depois de celebrar seu casamento dentro do hospital.

Heather Mosher havia sido diagnosticada com câncer de mama em dezembro de 2016, no mesmo dia em que seu então namorado, Dave Mosher, a pediu em casamento, contou ele à rede americana ABC. "Agora, mais do que nunca, eu precisava que ela soubesse que não passaria por isso sozinha", disse Dave.

Heather passou por duas rodadas de quimioterapia e duas cirurgias, mas a doença se espalhou. Ela e Dave decidiram manter os planos do casamento.

Heather Mosher durante o casamento no hospital com seu noivo, Dave  (Crédito: Reprodução/Instagram)
Heather Mosher durante o casamento no hospital com seu noivo, Dave (Crédito: Reprodução/Instagram)

A cerimônia precisou ser antecipada do dia 30 de dezembro para o dia 22 devido ao agravamento de seu estado de saúde dela, segundo a imprensa americana.

Na cama do hospital, Heather usou vestido branco, véu, joias e buquê. Sua amiga Christina Lee, que é fotógrafa, registrou tudo e postou as imagens em sua conta no Instagram.

"Ganhou asas! Uma das minhas melhores amigas se casou no dia 22 de dezembro com o homem dos seus sonhos. Ela lutava contra um câncer em estágio 4 que tinha se espalhado pelo seu corpo, mas estava determinada a se casar com sua alma gêmea. Menos de 24 horas depois, seu espírito deixou seu corpo e ascendeu para ficar com Deus", escreveu a fotógrafa em uma das legendas.

Heather e Dave Mosher com o bolo de casamento  (Crédito: Reprodução/Instagram)
Heather e Dave Mosher com o bolo de casamento (Crédito: Reprodução/Instagram)


Fonte: Com informações do G1
logomarca do portal meionorte..com