Jovem é morta por não querer fazer sexo com paquera do Tinder

O rapaz não aceitou ser recusado e matou a garota

O mexicano Emmanuel Delani Valdés Bocanegra conheceu Francia Ruth Ibarra Ramírez pelo aplicativo de paquera Tinder há quatro meses. Os moradores de León (México), ambos de 26 anos, se encontraram algumas vezes. No entanto, a relação acabou em tragédia.

Segundo as investigações, Francia não quis fazer sexo com Emmanuel, mas ele não aceitou a recusa e a matou. Depois, o corpo da jovem foi jogado em um recipiente com soda cáustica e ácido clorídrico.

A polícia foi acionada após amigos de Francia rastrearem seus posts nas redes sociais. No apartamento do mexicano, agentes encontraram as roupas da vítima em um saco plástico. Eles também recuperaram restos humanos, que passaram por teste de DNA para comprovar que pertenciam à mulher.

Emmanuel fugiu, mas foi preso na Cidade do México no dia 15 de dezembro.

O casal se conheceu pelo aplicativo Tinder
O casal se conheceu pelo aplicativo Tinder


Fonte: Catraca Livre