Jovem sem habilitação que atropelou ciclistas em rodovia é preso

As vítimas serão enterradas nesta segunda-feira.

Os ciclistas Diogo Faria e Marcio José Bechis, mortos após serem atropelados no acostamento da Rodovia Bandeirantes, em Limeira (SP), vão ser enterrados nesta segunda-feira (17) em cemitérios de Americana  e Nova Odessa. O acidente ocorreu no domingo (16). Motorista sofreu ferimentos leves e foi preso após ter alta médica.

O jovem de 19 anos que atropelou e matou os ciclistas Diogo Faria, de 38 anos, e Marcio José Bechis, de 45, não tem habilitação para digirir, segundo informou a Polícia Militar (PM) Rodoviária da cidade. Ele tinha ingerido bebida alcoólica.

Ele foi atendido com ferimentos leves na Santa Casa de Limeira e depois encaminhado para a delegacia de plantão. Nesta segunda-feira (17), deve ser encaminhado para Centro de Detenção Provisória (CDP).

Diogo Faria, era empresário de Americana  e Marcio José Bechis, professor de educação física de Nova Odessa. Eles eram ciclistas experientes, segundo um amigo deles e treinador de ciclismo, William Barbosa.

Ainda segundo a PM, o motorista do veículo de passeio perdeu o controle em uma curva, atingiu os ciclistas e capotou em seguida. Ele foi socorrido com ferimentos e teste do bafômetro apontou índice acima do permitido. A Polícia Civil de Limeira informou que o jovem segue internado na Santa Casa da cidade.

O acidente ocorreu às 8h40 no km 146, sentido capital paulista. Os ciclistas pedalavam pelo acostamento da rodovia. O helicóptero Águia da Polícia Militar (PM) foi acionado, pousou na pista para prestar socorro junto às equipes da concessionária Autoban, mas as vítimas estavam mortas. Os óbitos foram constatados no local do acidente.

A faixa da direita chegou a ficar interditada durante a manhã para o atendimento da concessionária e realização da perícia no local. Os corpos foram recolhidos para o Instituto Médico Legal (IML) de Limeira. As bicicletas ficaram destruídas.


Fonte: Com informações do G1