mais

Live nesta quinta tem resultados de inclusão no mercado de trabalho

Coordenação do serviço realizará um bate-papo com a procuradora do Ministério Público do Trabalho (MPT), Jeane Araújo, sobre a lei de cotas e o fortalecimento da cidadania das pessoas com deficiência em Teresina

O serviço “Levanta-te, Vem para o Meio”, desenvolvido pela Ação Social Arquidiocesana (ASA), realiza nesta quinta-feira, dia 24 de junho, a live “Trabalho Acessível – resultados e desafios”, apresentando o alcance das ações de inclusão das pessoas com deficiência (PCD's) no mercado de trabalho em Teresina. A live será transmitida a partir das 16h, ao vivo pelo YouTube da Arquidiocese de Teresina, diretamente do auditório São Paulo VI.

Durante o evento, que vai apresentar como foi o desenvolvimento do projeto, a coordenação do serviço realizará um bate-papo com a procuradora do Ministério Público do Trabalho (MPT), Jeane Araújo, sobre a lei de cotas e o fortalecimento da cidadania das pessoas com deficiência em Teresina. Na ocasião, também haverá um momento de diálogo com empresas parceiras sobre inclusão social, bem como a participação de PCD's beneficiados pelo projeto e apresentações artísticas.

Projeto Trabalho Acessível busca fortalecer o banco de talentos do serviço Levanta-te. (Foto: Divulgação)Projeto Trabalho Acessível busca fortalecer o banco de talentos do serviço Levanta-te. (Foto: Divulgação)

Desenvolvido desde outubro de 2020, por meio de parceria com a Organização Mundial do Trabalho (OIT) e o MPT, o Projeto Trabalho Acessível busca fortalecer o banco de talentos do serviço Levanta-te com cadastros de PCD´s aptos para serem inseridas no mercado de trabalho. Mesmo tendo sido implementado em meio às dificuldades que a pandemia impôs, o projeto de busca ativa alcançou bons resultados e chega a junho de 2021 com 202 pessoas com deficiência cadastradas e 36 inclusões diretas no mercado de trabalho.

O projeto é realizado por uma equipe de profissionais que conta com assistente social, comunicóloga, mobilizadores sociais e intérpretes de libras atuando na captação de cadastros de PCD's e na articulação de parcerias com as empresas. A assistente social do projeto, Rafaella Menezes, destaca o sentimento diante do alcance das ações do Trabalho Acessível.

Projeto é realizado por uma equipe de profissionais que conta com assistente social, comunicóloga, mobilizadores sociais e intérpretes de libras. (Foto: Divulgação)Projeto é realizado por uma equipe de profissionais que conta com assistente social, comunicóloga, mobilizadores sociais e intérpretes de libras. (Foto: Divulgação)

“É muito gratificante chegar ao final da primeira etapa do projeto e termos grandes resultados. De março até aqui o aumento do número de cadastros em nosso banco de dados foi bem importante, com perfis diferenciados, de pessoas com grandes potenciais. É grande o orgulho de consolidar um banco de dados com 202 cadastros qualificados, além de conseguirmos articular um trabalho em rede no qual as instituições abraçaram a causa em prol da inclusão da pessoa com deficiência”, finalizou.

A procuradora do Ministério Público do Trabalho (PI), Jeanne Araújo, pontua que o Trabalho Acessível se diferencia de outros projetos de inclusão por realizar uma busca ativa e um encaminhamento criterioso de pessoas com deficiência a serem incluídas no mercado de trabalho. “Esse trabalho, além de viabilizar a inclusão, possibilita às pessoas com deficiência a realização de suas atividades em empresas, contribuindo para eliminar as diversas barreiras e preconceitos ainda existentes no mercado de trabalho”, acrescenta.

O serviço “Levanta-te, vem para o Meio”

Desenvolvido pela Ação Social Arquidiocesana de Teresina (ASA) desde 2010, o “Levanta-te, Vem para o Meio” faz história na defesa e na inclusão das pessoas com deficiência no mundo do trabalho, atuando para criar oportunidades e condições de emprego acessíveis. A iniciativa surgiu buscando proporcionar uma cultura inclusiva na capital do Piauí, com incentivos para o desenvolvimento profissional das pessoas com deficiência através da parceria com empresas dos mais diversos segmentos.

Para cumprir sua missão de promover com excelência a pessoa com deficiência, além de cadastrar e intermediar o contato entre seus assistidos e as empresas, o Levanta-te desenvolve ainda um trabalho de destaque na capacitação das PCD´s, fortalecendo suas qualidades e potenciais. 

Equipe multidisciplinar atua na realização do projeto. (Foto: Divulgação)Equipe multidisciplinar atua na realização do projeto. (Foto: Divulgação)

De acordo com Marcos Júnior, coordenador do Levanta-te, através de seu trabalho o serviço atua para combater também o falso o entendimento de que não há mão de obra qualificada entre as PCD’s.

“Nosso cadastro mostra exatamente o contrário, ainda mais agora com os resultados obtidos na primeira etapa de busca ativa do projeto Trabalho Acessível. Temos pessoas com deficiência prontas para trabalhar nas mais diversas áreas e com os mais diversos níveis de qualificação”, afirma.

Comemorando 11 anos de atuação em 01 de julho, o “Levanta-te, Vem para o Meio” já cadastrou mais de 7 mil pessoas com deficiências aptas para o mercado de trabalho, tendo contribuído diretamente para a inclusão de cerca de 4 mil PCD´s nos mais diversos postos de trabalho em Teresina, através de parcerias com 86 empresas.

Tópicos

comentários

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Desbloquear Notificações

Como desbloquear notificações

Na barra de endereço, clique no cadeado e em Notificações escolha a opção permitir, como na imagem abaixo

desbloqueio de notificação push

Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail