Mãe registra B.O contra escola por encontrar filho sem 2 dentes

Ela encontrou o filho sem os dentes quamdo foi buscá-lo

A 29ª Delegacia de Polícia do Riacho Fundo investiga uma escola pública, após uma mãe registrar um boletim de ocorrência alegando que encontrou o filho sem dois dentes da frente e com a roupa coberta de sangue, quando foi buscá-lo no colégio. 

Cinthia Souza Santos de Almeida foi buscar a criança às 17h30 da última sexta-feira (24/3), no Centro de Educação Infantil nº 1, e não a encontrou na sala de aula. Pouco tempo depois, segundo ela, seu filho chegou acompanhado de uma funcionária, com um pedaço de gelo na mão. 

De acordo com a ocorrência registrada pela mãe na delegacia, a funcionária encontrou a criança trancada dentro no banheiro, e só depois de muita conversa o menino abriu a porta, mas não contou o que havia ocorrido. Segundo o registro da mãe, depois de prestar os devidos cuidados, a mulher percebeu que o menino estava sem os dois dentes da frente.

Na sexta, ao encontrar o filho os dentes, Cinthia procurou a professora, que também não sabia o que tinha acontecido. A mae, então, procurou explicações na direção, mas, segundo a ocorrência, não conseguiu falar com ninguém.

O garoto foi levado pela mãe a um dentista, que afirmou não haver indícios de trauma ou pancadas que resultassem nas perdas dos dentes. Sendo assim, o profissional afirmou que eles foram extraídos intencionalmente. Ainda segundo a ocorrência, a criança ficou muito assustada, e ao chegar em casa, contou que "o tio" tinha arrancado seus dentes.


O que diz a escola

Procuradaa diretora da escola, Andréia Maria dos Anjos, contou que, naquele dia, a professora fez uma festinha para os alunos e registrou o momento com algumas fotografias. Após o evento, as crianças foram ao parquinho e, no fim da atividade, o menino teria se escondido no banheiro. A professora, então, foi atrás da criança, que não a deixou ver os dentes. Depois de muita insistência, o garoto foi levado até a supervisora, que constatou que ele estava sem os dois dentes da frente.

Nas fotos da festa, segundo a diretora, a criança ainda estava com os dentes, e, por isso, a escola entendeu que o menino se machucou no parquinho, após a festa. De acordo com Andréia, os profissionais levaram o menino até os brinquedos e chegaram a procurar os dentes, mas não encontraram. O menino, então, teria apontado para um brinquedo, dando a entender que se machucou nele.

Segundo a diretora, a escola está realizando várias reuniões para entender o que aconteceu, e está aberta para esclarecer dúvidas de pais ou responsáveis. "Estamos muito tristes com a repercussão negativa que estamos tendo. A professora está muito abalada", contou Andréia.

Em nota, a Secretaria de Educação afirmou  que a "Coordenação Regional de Ensino do Núcleo Bandeirante, responsável pelo Centro de Educação Infantil nº 1, no Riacho Fundo I, irá se reunir com integrantes da equipe gestora da unidade educacional e familiar da criança, para apurar os fatos e verificar quais medidas deverão ser tomadas."

Fonte: correiobraziliense