Minha Casa Legal: mutuários do mocambinho serão atendidos em 5 e 6

Os descontos ofertados pelo programa são de até 90%

A Empresa de Gestão de Recursos do Piauí (Emgerpi) instala, nesta terça (5) e quarta-feira (6), no conjunto Mocambinho, um escritório itinerante do Programa Minha Casa Legal. Os mutuários do conjunto que ainda precisam promover a regularização cadastral ou financeira dos imóveis terão mais uma oportunidade para sanar pendências das unidades habitacionais, construídas pela extinta Companhia de Habitação do Piauí (Cohab-PI). O residencial possui 5.130 imóveis.

Os moradores do conjunto Mocambinho receberão atendimento das 7h30 às 13h30, na Unidade Escolar Felismino Freitas, localizada na confluência entre os setores A e B do Mocambinho I. “Durante esta ação itinerante, os mutuários poderão parcelar ou negociar débitos, conhecer os descontos que o Programa Minha Casa Legal está concedendo para mutuários inadimplentes e resolver outras pendências”, destacou o diretor-presidente da Emgerpi, Ricardo Pontes.

Mais de 200 mutuários do conjunto Mocambinho precisam fazer a regularização financeira dos imóveis. Com o intuito de ajudar os mutuários, a Emgerpi já realizou quase 40 ações itinerantes em todo o Piauí, tendo como objetivo de facilitar o acesso dos mutuários aos benefícios que a lei de  parcelamento do Programa Minha Casa Legal oferece para os mutuários com pendências nos contratos de financiamento.


Negociação

Os descontos ofertados pelo Minha Casa Legal são de até 90% (sobre  juros e mora) para o mutuário que pretende pagar dívida à vista. As pessoas que visam parcelar débitos contam com descontos de 20%, 30%, 40%. A lei permite que os mutuários da extinta Cohab, Bep e Iapep parcelem a dívida em até 60 meses.

Por meio das ações de regularização do Programa Minha Casa Legal, o governo estadual já regularizou 5.396 imóveis e entregou mais de 3.888 ofícios de liberação de hipotecas. Em Teresina, a Emgerpi concluiu a regularização fundiária dos conjuntos Parque Piauí (2.794 imóveis) e Bela Vista I (912 imóveis).

No interior do Piauí, a empresa averbou conjuntos nas cidades de Parnaíba, São Raimundo Nonato, Guadalupe, Oeiras, Campo Maior e  Elesbão Veloso.  Em média, mais de 21 mil pessoas já foram beneficiadas com as ações de regularização fundiária no Piauí.

Fonte: Portal MN
logomarca do portal meionorte..com