Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail

mais
URGENTE
Acidente em aeroporto de Teresina causa confusão em voôs para todo o país
Baixe o nosso APLICATIVO
ESCOLHA A LOJA ABAIXO: Google Play AppStore
curiosidades rede meionorte blogs notícias entretenimento esportes cidades carros

Mosquito Aedes aegypti pode transmitir doença grave aos pets

O ideal é fazer exames antes dos sintomas.

Mosquito Aedes aegypti pode transmitir doença grave aos pets
Aedes aegypti pode transmitir doença grave aos pets | Reprodução
Compartilhe

Embora nenhum estudo tenha comprovado que podemos pegar zika vírus ou dengue, não estamos livres do mosquito transmissor. Ele pode nos transmitir o já conhecido “verme do coração” - a dirofilariose.

De acordo com Rodrigo Monteiro, professor de medicina veterinária da Universidade Anhanguera de São Paulo, nós, cãezinhos, somos os que mais sofremos. É muito raro em gatos.

"Quando o mosquito pica um animal doente, o inseto passa o parasita para corrente sanguínea, que se aloja no cão por um tempo até seguir ao coração, onde cresce, faz alterações no órgão, veias e artérias, causando até a morte", afirmou. 

Há exames de sangue e de coração que detectam. Uma vez que o animal foi diagnosticado, existe tratamento. O ideal é fazer exames antes dos sintomas. Mas como os diagnósticos são em fase mais avançada, pode complicar, como explica o especialista.

"O tratamento faz com que o verme morto possa obstruir algum vaso pequeno e matar o animal de embolia pulmonar", acrescentou. 

Para prevenir, há remédios (base de ivermectina), soluções para colocar na nuca e também coleiras repelentes.

Aedes aegypti pode transmitir doença grave aos pets
Aedes aegypti pode transmitir doença grave aos pets



Tópicos
Compartilhe
Não venda minhas informações pessoais

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Podcast

Selecione seus podcasts

atualizar