Mulher usa 10 mil luzes de natal para protestar contra homofóbicos

Lexi explicou em entrevista que conhece as raízes de sua vizinha

No contexto da onda de ataques e crimes de ódio contra minorias que se deu depois da última eleição presidencial americana, em resposta aos comentários homofóbicos de uma vizinha, a americana Lexi Magnusson que era melhor se iluminar – literalmente. Ao invés de se valer de qualquer violência, ela decidiu responder expondo sua opinião com 10 mil lâmpadas de natal – devidamente construindo um arco-íris ao redor de sua casa.

Image title

Os novos vizinhos pensavam que Lexi tinha a mesma posição que sua igreja a respeito da comunidade LGBT, e por isso comentou como estava horrorizada pelo fato de seu filho ter sido rejeitado por uma menina para ir ao baile de formatura por que ela iria com sua namorada.

Em seguida, a vizinha explicitou seu horror pela presença de uma criança trans na escola – e de um seminário preparado pela escola para saber a realidade trans. Lexi manteve a calma, e em seguida decidiu por usar a decoração de natal para expressar sua opinião. “Nossos novos vizinhos são preconceituosos. Como agressões normais são crimes, eu escolhi a agressão passiva. 10 mil luzes depois…”.

Lexi explicou em entrevista que conhece as raízes de sua vizinha. “Eu foi uma mórmon fiel um dia. Sei da onde ela vem. Sei que é difícil fazer mudar sua opinião. Mas eu precisava mostrar minha solidariedade [à comunidade LGBT]. Já fiz isso muito no Facebook, mas na vida real é mais difícil. Talvez não seja o jeito mais contundente, mas pra mim foi importante”, ela disse, preparando novas luzes para cobrir ainda mais sua casa não só com as cores do arco-íris, mas também com empatia e compaixão.

Fonte: Com informações do Hypeness