Pai faz apelo para achar mestre-sala que sumiu indo para Sapucaí

O rapaz foi visto pela última vez durante o desfile da escola.

Parentes e amigos estão mobilizados em encontrar o estudante Lucas Hassan, de 17 anos, um dos mestres-salas da União de Maricá, escola da Região Metropolitana do Rio, que está desaparecido desde a última segunda-feira. O rapaz foi visto pela última vez durante o desfile da escola, na Estrada Intendente Magalhães, no bairro do Campinho, na Zona Oeste da capital. De lá, ele seguiria para a Marquês de Sapucaí, onde desfilaria pela Portela, mas não chegou ao local.

Segundo Aristeu Ubiraja, de 59 anos, pai do mestre-sala, essa foi a primeira vez que ele não acompanhou o filho até o Sambródomo.

“Eu tinha deixado ele ir sozinho. Quando cheguei à Sapucaí, pois também ia desfilar, ele não estava lá. E ninguém mais o viu desde o desfile da União. É uma situação difícil. A gente não sabe se ele está vivo ou morto “, diz Aristeu.

De acordo com o pai, Lucas, que é descrito como um menino educado e trabalhador, não teria motivos para fugir de casa: “Ele não iria fugir só com a roupa do corpo. Ele trabalha comigo com decorações. As pessoas adoram ele e estão tentando me ajudar a encontrá-lo”, afirmou.

Aristeu já procurou pelo filho em hospitais da região, mas sem sucesso. O rapaz estava sem celular, o que dificulta o trabalho de localização. Segundo o pai, o boletim de ocorrência do desaparecimento foi registrado na 5ª DP (Gomes Freire).

Quem tiver informações sobre Lucas pode repassá-las ao Disque Denúncia, no número (21) 2253-1177.

Image title

Image title

Fonte: Com informações do Jornal Extra