mais

Parlamentares retomam sessão para oficializar vitória de Joe Biden

Na abertura da sessão, o vice-presidente Mike Pence fez um discurso de veemente condenação aos episódios de violência vistos mais cedo

 Os congressistas americanos voltaram ao Capitólio por volta das 22h de Brasília, para concluir o ritual de oficalização da vitória do democrata Joe Biden nas eleições de novembro. Na abertura da sessão, o vice-presidente Mike Pence fez um discurso de veemente condenação aos episódios de violência vistos mais cedo, com apoiadores de Donald Trump, insuflados por ele, invadindo o Congresso.

— Para aqueles que causaram estragos em nosso Congresso hoje: vocês não ganharam. A violência nunca vence. A liberdade vence. E esta ainda é a casa do povo — disse Pence. — Vamos voltar ao trabalho.

Um porta-voz de Pence, que presidente a sessão, disse que Pence nunca saiu do Congresso e manteve-se em contato com os líderes do Congresso, a polícia, o Departamento de Justiça e o Departamento de Defesa para proteger o prédio.

LEIA TAMBÉM:

 "Nossa democracia está sob um ataque sem precedentes", diz Joe Biden

A sessão foi suspensa cerca de uma hora após começar à tarde, devido ao protesto violento e à invasão ao Parlamento dos apoiadores de Donald Trump.

Mais cedo, Pence já dissera que não ia se opor à oficialização da vitória de Biden. O presidente do Senado, Mitch McConnell, também fez um discurso em veemente defesa da oficialização do resultado.

O vice-presidente dos EUA, Mike Pence, ao lado da presidente da Câmara, Nancy Pelosi  O vice-presidente dos EUA, Mike Pence, ao lado da presidente da Câmara, Nancy Pelosi  

A sessão era prevista para durar durante horas, conforme parlamentares iriam apresentar questionamentos ao resultado oficial. É incerto se eles manterão os questionamentos, após um dos dias mais tensos da História recente dos EUA.

Em meio à violência e ao caos no Capitol, Pence parece ter assumido muitas das responsabilidades que tradicionalmente cabiam ao presidente.

O sargento de armas, principal oficial de segurança do Capitólio, anunciou que o prédio estava seguro por volta das 17h40 (19h40 no horário de Brasília).

Mais cedo, a presidente da Câmara, Nancy Pelosi, disse em uma carta aos colegas que decidiu realizar a cerimônia ainda nesta quarta-feira após consultar sua equipe de liderança e fazer uma série de ligações para o Pentágono, o Departamento de Justiça e o vice-presidente, Mike Pence. Ela não fez menção ao presidente.

"Sempre soubemos que essa responsabilidade nos levaria noite adentro", escreveu Pelosi. “Também sabíamos que hoje faríamos parte da história de forma positiva, apesar das objeções infundadas ao voto do Colégio Eleitoral. Agora faremos parte da história, pois tão vergonhosa imagem do nosso país foi divulgada ao mundo, instigada ao mais alto nível.”

Tópicos

comentários

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Desbloquear Notificações

Como desbloquear notificações

Na barra de endereço, clique no cadeado e em Notificações escolha a opção permitir, como na imagem abaixo

desbloqueio de notificação push

Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail