O peixe-boi que foi resgatado no litoral do Piauí após ter encalhado na Praia do Macapá, em Luís Correia, será transferido para a base do Centro de Mamíferos Aquáticos na Ilha de Itamaracá, em Pernambuco.  A informação foi confirmada pelo Governo do Estado, que foi acionado para prestar apoio na transferência do animal.  A governadora Regina Sousa autorizou o transporte aéreo do animal, com urgência

Wind, como foi nomeado, em homenagem ao humorista piauiense Whindersson Nunes, é um filhote, fêmea. Ela foi resgatada com vida na quarta-feira (27) pela equipe da Comissão Ilha Ativa, instituição parceira que atua na região,  sendo transferida para a base do Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio), em Cajueiro da Praia.

Wind será levada para o Centro de Mamíferos Aquáticos, em Pernambuco| foto: ReproduçãoWind será levada para o Centro de Mamíferos Aquáticos, em Pernambuco| foto: Reprodução

De acordo com o chefe da APA, Adriano Ricardo, o animal chegou com machucados na região dorsal devido a possível contato com embarcação. Durante todo o dia, o filhote foi acompanhado pelas equipes, que providenciaram sua hidratação, mas se depararam com dificuldades para mantê-lo no local. 

“Tendo em vista que a peixe-boi está órfã, apenas um tratamento especializado, oferecido pelo Centro de Mamíferos Aquáticos, será capaz de viabilizar as condições para que o animal possa retornar a seu habitat natural”, declara através do documento enviado ao Governo do Estado.