Piauí se torna pioneiro na criação da Rede de Ouvidorias Públicas

A Rede de Ouvidorias Públicas foi criada em 2013.

O governador Wellington Dias deu posse, nesta segunda-feira (21), no Palácio de Karnak, à nova diretoria da Rede de Ouvidorias Públicas do Piauí. Como presidente, tomou posse a ouvidora-geral do Estado, Soraya Castelo Branco; na vice-presidência, a ouvidora do Tribunal de Contas do Estado do Piauí (TCE-PI), Maria Nogueira de Sousa Leal; e a Secretaria foi assumida pela coordenadora da Ouvidoria-Geral do Estado, Thaysy Castro.

“O Piauí foi um dos primeiros estados a implantar a ouvidoria e agora é o pioneiro a criar uma corregedoria única, que tem como objetivo melhorar a participação do cidadão nas questões governamentais. Por meio do número 0800-4000, o cidadão pode ligar e ter uma linha direta, dando resolutividade aos seus problemas”, destacou o governador Wellington Dias.

Soraya Castelo Branco toma posse (Crédito: Jorge Bastos/ Divulgação)
Soraya Castelo Branco toma posse (Crédito: Jorge Bastos/ Divulgação)

Na oportunidade, foi assinado um termo que faz com que as concessões das ouvidorias tenham datas previstas para as melhorias. “Esse será um ano de muito trabalho, porque, além de tudo, iniciaremos a criação de ouvidorias municipais com o objetivo de disseminar esse trabalho para todo o estado. Também hoje teve a adesão de novos órgãos, como a Prefeitura de Teresina, a Defensoria Pública do Estado e a Associação Piauiense de Municípios (APPM)”, pontou a ouvidora-geral do Estado, Soraya Castelo Branco.

A Rede de Ouvidorias Públicas foi criada em 2013 com o intuito de promover união e desenvolvimento entre os municípios. “Por meio da Rede de Ouvidorias, você tem a troca de experiências entre os municípios e a possibilidade de ter uma padronização de atendimento. A prioridade é que o cidadão consiga ser bem tratado em todas as instâncias” comentou o ouvidor-geral da União, Gilberto Waller Junior.

Fonte: Portal do Governo do Piauí