Homem tem R$ 20 mil roubados e é preso por estupro no Maranhão

O fato ocorreu na Delegacia Regional de Imperatriz, no Maranhão.

Carlos da Silva Costa, de 53 anos, procurou a Delegacia Regional de Imperatriz, no estado do Mranhão, para registrar o roubo de R$ 20 mil de sua conta corrente. Os policiais, de imediato, pegaram seus dados pessoais e ao registrar o Boletim de Ocorrência verificaram que o mesmo estava com mandado de prisão em aberto pelo crime de estupro de vulnerável.

De acordo com o delegado Regional, Eduardo Galvão, da Polícia Civil, o acusado foi encaminhado para procedimentos de rotina. “Ele veio justamente registrar o furto desse valor, furto mediante fraude. Ao tentar fazer o registro descobriu-se que ele tinha um mandado de prisão por estupro de vulnerável. Ele recebeu voz de prisão, foi dado o cumprimento ao mandado e ele foi levado imediatamente para UPR1, que é antiga CCPJ”, revelou.

O delegado ainda falou sobre quatro mandados de prisão cumpridos pela polícia na cidade. “É um número considerado alto e um detalhe a ser esclarecido. Desses sete pelos três casos aqui as pessoas vieram figurando como vítimas ou testemunhas de outros procedimentos policiais. Elas não foram conduzidas por força do mandado. Ao chegar na delegacia se constatou a presença de mandados. Seis oriundos e Varas Criminais e um por pensão alimentícia” , acrescentou.

Fonte: Com informações do G1-MA