Operação prende 15 acusados de assaltos a bancos no Piauí

Até o momento já se encontram presas 15 pessoas no PI, MA e SP

A Secretaria de Segurança Pública e a Delegacia Geral da Polícia Civil do Piauí, através do Grupo de Repressão ao Crime Organizado - Greco e da Diretoria de Inteligência da SSP/PI, desencadearam a Operação Tríade Paulista. Até o momento já se encontram presas 15 pessoas, nos Estados do Piauí, Maranhão e São Paulo.

O objetivo da operação visa desbaratar Organizações Criminosas que realizaram os crimes de extorsão mediante sequestro, que culminou com a subtração de um montante milionário da empresa de transporte de valores Servisan, fato ocorrido em 11/12/2016,  roubo qualificado  contra o terminal de auto atendimento do Banco do Brasil, localizado na Procuradoria Geral do Estado, fato ocorrido em 17/06/2016 e furto qualificado, contra os terminais de auto atendimento do Banco do Brasil, localizados no aeroporto de Teresina Petronio Portela, fato ocorrido em 02/07/2016.

As ações policiais estão sendo realizadas concomitantemente  em Teresina, Sao Luis-MA, São Paulo -SP, São José dos Campos- SP, Cotia-SP, Taboão da Serra -SP e Jacarei-SP. 

Participam da Operação cerca de 100 policiais do Greco – PI, Diretoria de Inteligência da SSP/PI,  DEIC-SP e Policiais Civis do Maranhão, ressaltando-se como fundamentais para o desenvolvimento da complexa investigação, a exemplar participação da Central de Inquéritos Policiais de Teresina, na figura do Juiz de Direito, Dr. Luiz de Moura Correa, e de todos os outros Juízes auxiliares, bem como do Ministério Público do Estado do Piauí, na pessoa da Dra. Luzijones Felipe de Carvalho Façanha, Dr. Antônio Tavares dos Santo, e Dr. João Pereira da Silva.

Image title

Image title

Image title

Image title

Image title

Image title

Image title

Image title

Image title

Image title


Fonte: Com informações da Secretária de Segurança do Piauí