Por ciúmes, jovem espanca namorada até a morte e pega perpétua

Ele quebrou a mandíbula e costelas da namorada que era milionária

Um namorado violento espancou sua namorada até a morte por ciúmes, e foi condenado a prisão perpétua. O cara ainda disse que não foi a intenção dele matá-la depois de quebrar a mandíbula e as costelas da moça.

O chef de cozinha Jordan Matthews, de 23 anos, conheceu sua namorada, Xixi Bi, de 24, num site de relacionamentos. A moça era herdeira de uma família chinesa muito rica, e estava na Inglaterra para estudar.


Quando eles se conheceram, Jordan estava desempregado. Ela pagou as viagens deles pela Europa, além de ceder casa, comida, roupas e um carro para o rapaz. Ainda assim, o relacionamento já era abusivo antes da violência física.

Desde o começo do namoro, as notas de Xixi Bi caíram, e ela perdeu peso.


O próprio Jordan admitiu para a polícia que consumia bastante maconha e estava muito paranoico a respeito de sua namorada. Ele dizia que queria se casar com ela, mas ao mesmo tempo batia nela quando tinha algum surto de ciúmes.

Ele disse que o que o fez espancá-la foi ver que ela tinha recebido uma mensagem de um tal de Ben no Tinde.

Legistas confirmaram que ela nem tinha o aplicativo do Tinder instalado no celular.

A família de Xixi Bi disse que ela era uma jovem inteligente e cheia de energia. Ela se mudou da China para a Inglaterra para estudar quando tinha apenas 15 anos. Ela falava inglês, francês e espanhol fluentemente, além do seu idioma nativo.

A Universidade Metropolitana de Cardiff, onde ambos estudavam, se pronunciou oferecendo pêsames à família e amigos de Xixi Bi.




Fonte: r7
logomarca do portal meionorte..com