Prefeitura de Teresina reajusta piso dos professores em 7.64%

Mensagem do prefeito Firmino Filho foi enviada para a Câmara.

A Prefeitura de Teresina enviou à Câmara Municipal o projeto de lei que propõe o reajuste de 7,64% do piso salarial dos professores. O índice segue o percentual anunciado pelo Ministério da Educação e o pagamento será retroativo a janeiro. Assim, o salário inicial do professor que cumpre jornada de trabalho de 40 horas semanais passa de R$ 2.135,65 para R$ 2.298,80. O reajuste deve gerar um impacto mensal de R$ 1,5 milhão na folha de pagamento da prefeitura.

O texto foi enviado para apreciação da Câmara Municipal. Deverá estar entre os primeiros projetos a serem votados pelos parlamentares nesse início de legislatura. A abertura do ano legislativo acontecerá nesta quarta-feira (1º). O aumento irá beneficiar os mais de 4 mil professores efetivos e temporários que atuam nas escolas da rede municipal de Teresina. 

“Mesmo com as dificuldades financeiras que o município vem enfrentando, mantivemos nosso compromisso de pagar o reajuste salarial dos professores e continuar valorizando esta carreira que é tão importante para o futuro da nossa cidade”, destaca o prefeito Firmino Filho.

Segundo o secretário de Administração e Recursos Humanos, Manoel de Moura Neto, o projeto não deve enfrentar resistência dos vereadores e, assim que aprovado, será sancionado pelo prefeito. “O reajuste será incluído na folha de pagamento do mês de fevereiro, mas retroativo a janeiro”, afirma o gestor.

Fonte: Ascom