O Prêmio Piauí de Inclusão Social, conhecido carinhosamente pelos piauienses como Campeonato do Bem, recebeu o registro de sua marca junto ao Instituto Nacional da Propriedade Industrial (INPI), no qual garante o direito legal de exclusividade e uso do nome, passando a ser uma marca nacional. 

Há 18 anos, o prêmio se destaca por divulgar projetos sociais decisivos para a sobrevivência ou para a melhoria da qualidade de vida de centenas de piauienses, se consolidando como uma marca de sucesso, em constante atenção e conexão a diversas mudanças que ocorrem, sempre se posicionando e inovando. 

Prêmio Piauí de Inclusão Social recebe Cerificado de Registro da Marca - Foto: Arquivo/Meio NortePrêmio Piauí de Inclusão Social recebe Cerificado de Registro da Marca - Foto: Arquivo/Meio Norte

Conforme o idealizador do projeto e diretor de jornalismo do Grupo Meio Norte de Comunicação (GMNC), José Osmando de Araújo, o Certificado de Registro da Marca coloca o Prêmio Piauí de Inclusão Social na linha de frente das iniciativas sociais notáveis quanto à geração de emprego, de renda e de elevação humana e parabenizou o departamento jurídico do GMNC pela conquista alcançada.

“Considero que Prêmio Piauí de Inclusão Social, nos seus 18 anos de realização, portanto ao atingir a maioridade, recebe um presente especial: o registro de sua marca junto ao Instituto Nacional da Propriedade Industrial. Deste modo, além do êxito alcançado ao longo de quase duas décadas, abrindo permanente oportunidade de exposição, de divulgação das ações positivas postas em prática por segmentos importantes da nossa sociedade, o Prêmio passa a ser uma marca nacional. Isso nos coloca na vanguarda das iniciativas sociais notáveis quanto à geração de emprego, de renda e de elevação humana, uma tarefa que a cada ano nos enche mais de orgulho. Desejo, assim, parabenizar o departamento jurídico do Grupo Meio Norte de Comunicação pelo êxito conquistado”, declarou.

José Osmando, diretor de Jornalismo do GMNC e idealizador do Prêmio Piauí de Inclusão Social José Osmando, diretor de Jornalismo do GMNC e idealizador do Prêmio Piauí de Inclusão Social 

No Piauí, o GMNC, em parceria com o Governo do Estado, realiza a premiação anualmente que se destaca pelo incentivo dado a diversos projetos sociais que repercutem diretamente na melhoria da qualidade de vida da população por meio do Prêmio Piauí de Inclusão Social.  

Marca do Prêmio Piauí de Inclusão Social recebe certificado Marca do Prêmio Piauí de Inclusão Social recebe certificado 

Premiação chega a sua 18ª edição em 2022.

O Prêmio Piauí de Inclusão Social chega a sua 18ª edição em 2022. Estão sendo veiculadas as primeiras reportagens que vão integrar uma verdadeira vitrine de boas iniciativas que acontecem no estado.  

São campanhas, projetos e trabalhos realizados por empresas, ações individuais, associações, iniciativas governamentais e não governamentais que ganham força com a grande visibilidade concedida através do prêmio. É uma competição em que todos são ganhadores por praticarem boas ações.

“Nós estamos ingressando, agora, neste 2022, na 18ª etapa do Prêmio Piauí de Inclusão Social. Festejamos, portanto, a maioridade de uma iniciativa vitoriosa, que ao longo desse abençoado tempo tem revelado ao Piauí e ao Brasil casos valorosos de empreendedorismo, de capacidade e vontade solidárias, de ousadia, determinação e coragem, nessa tarefa construtiva de promover inclusão social”, acrescentou José Osmando. 

Em quase duas décadas de fundação, o projeto surgiu da necessidade de mostrar o piauiense que desenvolve práticas consistentes de desenvolvimento econômico, de geração de emprego e renda, de elevação humana e inclusão social. As reportagens vão ao ar toda quinta-feira nas páginas do Jornal Meio Norte, Portal meionorte.com, no Jornal Agora, na Rede Meio Norte, e ao longo de toda a programação da TV e Rádio Jornal MN, fazendo ecoar assim as iniciativas de compromisso e responsabilidade social.