O Piau?, atrav?s da Secretaria da Educa??o e Cultura (Seduc), tem obtido avan?os na educa??o nos ?ltimos anos. No que se refere ? qualidade, pode-se afirmar que houve uma melhora significativa. ?Quando voc? demonstra interesse e boa vontade, realiza tarefas lindas?, essa ? uma frase da coordenadora executiva do Profuncion?rio do Estado, Selma Costa, referindo-se ao programa executado pela Secretaria de Educa??o B?sica do Minist?rio da Educa??o (MEC), em parceria com o Governo do Estado atrav?s da Seduc, Undime.

O Profuncion?rio ? um programa de cursos de educa??o a dist?ncia, em n?vel m?dio, voltado para os trabalhadores que exercem fun?es administrativas nas escolas das redes p?blicas estaduais e municipais de educa??o b?sica. O objetivo ? promover a habilita??o profissional dos servidores, visando ao resgate da auto-estima do profissional da educa??o por meio de sua qualifica??o profissional.

O programa come?ou no Piau? em agosto de 2006, oferecendo aos servidores os cursos de Infra-estrutura e Meio Ambiente (para vigias e auxiliares de servi?os gerais), Gest?o Escolar (destinado aos auxiliares de secretaria), Multimeios did?ticos (para auxiliares de bibliotecas e de laborat?rios) e Alimenta??o Escolar (para as merendeiras).

A experi?ncia est? sendo realizada em cinco estados brasileiros entre eles o Piau?. Nesta primeira edi??o foram contemplados 1.600 servidores da rede estadual.

Como o programa est? obtendo bons resultados, o MEC disponibilizando em agosto deste ano, 600 vagas para o Estado. Selma Costa, explicou que a proposta da Seduc ? ampliar o programa para todas as Diretorias Regionais de Ensino.

O curso de forma??o t?cnica tem dura??o de um ano e seis meses, atingindo uma carga hor?ria de 1.260 horas. Os alunos discutem assuntos como conselhos escolares, regimentos, projeto pol?tico pedag?gico, abordagens filos?ficas da educa??o, inform?tica b?sica, produ??o textual, gest?o escolar, entre outros. ?Os cursos do Profuncion?rio s?o realizados a dist?ncia com encontros presenciais, s?o dois encontros mensais de 6 horas, sempre de 7h30 ?s 13h30, cada?, disse Selma Costa.

Para a cria??o do Profuncion?rio, o MEC homologou em 26 de dezembro de 2005, parecer do Conselho Nacional de Educa??o, que criou a ?rea Profissional 21, de Servi?os de Apoio ? Escola, reconhecendo oficialmente que servidores da escola s?o educadores, tendo como refer?ncia o contexto de trabalho.

No Piau?, em 2006, o programa atendeu os munic?pios de Teresina, Parna?ba, Picos e Floriano. Agora, o Profuncion?rio se estendeu aos t?cnicos das cidades de Oeiras, Valen?a, Barras, Piripiri e Regenera??o.