Reforma dos aeroportos de Bom Jesus e Picos custará R$ 28 milhões

Programa de Aviação Regional, do Ministério dos Transportes.

Os aeroportos de Bom Jesus e de Picos  passarão por reforma com obras que estão orçadas em R$ 28.040.614,36, com prazo de conclusão de 540 dias, a partir da assinatura do Termo de Compromisso. De acordo com a Secretaria de Estado dos Transportes (Setrans-PI), os investimentos serão através do Programa de Aviação Regional.

Aeroporto de Picos (Crédito: Juscel Reis)
Aeroporto de Picos (Crédito: Juscel Reis)

O secretário dos Transportes, Guilhermano Pires, durante reunião na  quarta-feira (20) na Secretaria da Aviação Civil (SAC), em Brasília, deu encaminhamento aos dois importantes projetos. O secretário  falou sobre a importância das obras para o desenvolvimento da Aviação Regional no estado.

“O Aeroporto de Bom Jesus está localizado em uma importante região, que se caracteriza como um dos principais polos de produção agrícola do estado. No entanto, o terminal não opera com voos regulares, em função da sua atual infraestrutura. Da mesma forma, o Aeroporto de Picos também necessita de investimentos que possam atender a demanda daquela, que é uma das regiões mais importantes, economicamente, em todo o estado.”, afirmou. 

Na reunião, foram assinados os últimos protocolos para que a SAC libere o processo licitatório para a construção do Aeroporto Regional de Bom Jesus. O projeto consiste: Reforma e ampliação da pista de pousos e decolagens; Construção de um novo terminal de passageiros, implantação de balizamento noturno; Serviços de cercamento da área patrimonial e operacional, estacionamento para veículos com 32 vagas; Infraestrutura básica de rede de água, esgoto e energia elétrica, bem como aquisição de equipamentos de auxílio à navegação aérea. 

Na oportunidade, foram aprovados, também, os estudos preliminares para o início dos procedimentos de licenciamento do Aeroporto Regional de Picos, também dentro do Plano de Desenvolvimento da Aviação Civil Regional. O projeto já teve aprovado o layout da área a ser desapropriada, sendo que o licenciamento ambiental já foi liberado pela Secretaria Estadual do Meio Ambiente do Piauí (Semar). A previsão é de que em breve a SAC envie o estudo para aprovação do projeto definitivo.

Fonte: Portal Meio Norte/ Secretaria de Estado dos Transportes
logomarca do portal meionorte..com