"Se essa rua fosse minha" homenageia pessoas em solenidade

Para o prefeito Firmino Filho, é o momento de olhar para trás.

Uma noite marcada pela emoção e pela saudade. Assim foi a homenagem para os familiares e amigos das 110 personalidades que passam a ser nome de ruas em Teresina, através do projeto “Se essa rua fosse minha”. O concurso cultural culminou com a entrega das placas aos familiares em solenidade na noite de ontem (22).

O objetivo do “Se essa rua fosse minha” é homenagear homens e mulheres que ajudaram a construir a cidade de Teresina ao longo dos seus 165 anos. Para o prefeito Firmino Filho, é o momento de olhar para trás, celebrar o passado para construir o futuro.

“A cidade não se constrói com sonhos apenas. Ela se constrói com trabalho, com suor, com raça, com dedicação, com lágrimas, mas também com alegria, com emoção, com amor. Essa é a nossa cidade, fruto de um trabalho de todas as gerações. É a cidade que é nossa, que é a nossa cara e de ela nós nos orgulhamos e nós fazemos parte dela e ela faz parte da gente. Essa noite é muito bonita porque em cada um dos homenageados estamos homenageando todo nosso passado, todos aqueles que contribuíram para nossas vidas e para a vida da cidade. E é importante que possamos celebrar nosso passado porque só tendo orgulho da nossa caminhada é que nós vamos ter a motivação necessária para que possamos continuar a construção da nossa cidade”, destacou.

 (Crédito: Renato Bezerra)
(Crédito: Renato Bezerra)

Para Silvana Ramos, filha do homenageado Francisco Ramos, o “Se essa rua fosse minha” remete à sensação de continuidade, de imortalidade e de eternização das pessoas que ajudaram a construir a cidade. “Ela registra um novo capítulo dos homenageados que darão nome aos logradouros. Isso cria o sentimento de pertencimento, de identidade com o local onde vivemos, aumentando o nosso vínculo afetivo”, ressaltou.

O secretário municipal de Planejamento e Coordenação, Washington Bonfim, lembrou que a Prefeitura de Teresina homenageia, por meio desse concurso cultural, histórias de pessoas que, de alguma forma, ajudaram a construir a cidade. “Cada um que está sendo homenageado deu a sua parcela de contribuição para essa cidade, que completou 165 anos e que carrega desafios e coisas boas. Cada um aqui ajudou a construir referências na sua família, na sua comunidade, na sua profissão, no seu dia a dia. É algo muito significativo. E, a partir desse momento, essas pessoas tem seus nomes eternizados nas ruas da cidade”, pontuou. 

O concurso cultural Se Essa Rua Fosse Minha foi criado em 2013 e é uma realização da Prefeitura de Teresina, por meio da Secretaria Municipal de Planejamento e Coordenação (Semplan).

 (Crédito: Renato Bezerra)
(Crédito: Renato Bezerra)
 (Crédito: Renato Bezerra)
(Crédito: Renato Bezerra)
 (Crédito: Renato Bezerra)
(Crédito: Renato Bezerra)
 (Crédito: Renato Bezerra)
(Crédito: Renato Bezerra)
 (Crédito: Renato Bezerra)
(Crédito: Renato Bezerra)


Fonte: Ascom
logomarca do portal meionorte..com