Seguranças do Harmonia são mortos e têm corpos incendiados

Segundo a SSP, homens teriam sido vítimas de vingança

Três seguranças terceirizados, contratados para trabalhar no ensaio do grupo Harmonia do Samba, programado para acontecer na noite desta segunda-feira (6), foram mortos a tiros pela tarde, sendo que dois tiveram os corpos parcialmente queimados. O crime ocorreu em um dos acessos ao Estádio de Pituaçu, em Salvador, local onde o evento seria realizado. Segundo o Samu, uma das vítimas chegou a ser socorrida, mas não resistiu aos ferimentos.

De acordo com informações da Secretaria de Segurança Pública da Bahia (SSP-BA), as vítimas foram identificadas como Márcio Rogério Bandeira, Geraldo Mota Cunha e Derivaldo Rocha dos Santos.

A assessoria do Harmonia do Samba informou que a festa desta segunda, uma das mais procuradas por turistas no verão baiano, foi cancelada. Esta seria a quinta e última edição da temporada 2017 do evento. Os cantores Thiaguinho e Léo Santana fariam participação no ensaio. Em comunicado, a assessoria destacou que os ingressos valerão para o show da próxima segunda (13) e que as pessoas que não quiserem ir, terão o dinheiro devolvido. Thiaguinho e Léo Santana permanecem como convidados da festa.

 Conforme a SSP, investigações preliminares apontam que o crime teria o envolvimento de um homem supostamente agredido pelos seguranças durante o ensaio realizado na última semana. Ainda não há informações sobre a identidade do suspeito.

Ainda segundo a SSP, um grupo de homens armados teriam chegado ao local e atirado na direção das vítimas e depois atearam fogo nos corpos. Em seguida, os criminosos fugiram da região do crime. O caso está sob investigação do Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP).

Através de nota, a SSP informou que policiais do Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) já começaram a coletar o depoimento de testemunhas.  De acordo com o diretor do DHPP, delegado José Bezerra Júnior, a perícia foi concluída ainda no final da noite e vestígios da autoria foram coletados no local.

“Temos duas linhas de investigação sendo analisadas e logo apresentaremos os autores destes crimes”, garantiu, ressaltando que os depoimentos de testemunhas, que inclusive informaram características dos criminosos, tiveram início logo após a ação. O caso é acompanhando pelo responsável pela Delegacia de Homicídios Múltiplos, Odair Carneiro.

Image title

Image title

Fonte: Com informações do G1
logomarca do portal meionorte..com