mais
Baixe o nosso APLICATIVO
ESCOLHA A LOJA ABAIXO: Google Play AppStore

PI: Após mortes, Sejus diz que que prestou assistência a detentos

Diante da pandemia do novo coronavírus, a Sejus afirmou que tem mantido a atenção redobrada na saúde de todo o sistema prisional.

A morte de seis detentos da Penitenciária de Altos em maio de 2020 repercutiu nacionalmente na última sexta-feira (02), após o site El País publicar uma reportagem onde revela que a falta de alimentação básica causou a morte dos presos.

A reportagem afirma que os detentos morreram vítimas de um surto de beribéri, doença causada pela falta de vitamina B1 causada pela alimentação pobre de nutrientes.

Penitenciária de Altos - Foto: Meio NortePenitenciária de Altos - Foto: Meio Norte

Em nota a Secretaria de Justiça do Piauí - Sejus informou que desde o início do ocorrido, prestou todos os atendimentos e assistência aos internos que sentiram os sintomas.

“Em parceria com a Secretaria de Estado da Saúde do Piauí, uma enfermaria foi instalada na própria unidade prisional, a fim de dar um maior suporte aos detentos, evitando o translado de internos aos hospitais da rede pública de saúde. Além disso, foram feitas limpezas na tubulação e reservatórios de água do presídio, com o intuito de cessar a hipótese de intoxicação pela água. Além disso, também houve um reforço vitamínico e alimentar através de variações de cardápio, conforme instruções da equipe do Ministério da Saúde que esteve presente no local.” declarou o órgão. 

Penitenciária de Altos - Foto: DivulgaçãoPenitenciária de Altos - Foto: Divulgação

Diante da pandemia do novo coronavírus, a Sejus afirmou que tem mantido a atenção redobrada na saúde de todo o sistema prisional.

Confira a nota na íntegra

Nota de Esclarecimento 

Acerca do incidente ocorrido em maio de 2020, na Cadeia Pública de Altos, a Secretaria de Estado da Justiça do Piauí esclarece que, desde o início do ocorrido, prestou todos os atendimentos e assistência aos internos que sentiram os sintomas. Em parceria com a Secretaria de Estado da Saúde do Piauí, uma enfermaria foi instalada na própria unidade prisional, a fim de dar um maior suporte aos detentos, evitando o translado de internos aos hospitais da rede pública de saúde. Além disso, foram feitas limpezas na tubulação e reservatórios de água do presídio, com o intuito de cessar a hipótese de intoxicação pela água. Enquanto os reservatórios de água passavam por limpeza, os detentos recebiam água mineral. Também houve um reforço vitamínico e alimentar através de variações de cardápio, conforme instruções da equipe do Ministério da Saúde que esteve presente no local. A Sejus reitera, ainda que, tem mantido a atenção redobrada na saúde de todo o sistema prisional, diante da pandemia por Covid-19.


Tópicos

comentários

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Desbloquear Notificações

Como desbloquear notificações

Na barra de endereço, clique no cadeado e em Notificações escolha a opção permitir, como na imagem abaixo

desbloqueio de notificação push

Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail