mais

Criptominerador é atualizado para atacar Linux

O malware foi encontrado no ano passado e é conhecido por ter redes de empresas como alvo

O malware criptominerador Lemon_Duck foi atualizado e agora mira máquinas que rodam Linux por meio de ataques de força bruta via SSH. Ele também explora a falha de segurança do Windows 10 SMBGhost, além de infectar servidores rodando instâncias Redis e Hadoop. A notícia está no site Olhar Digital.

O malware foi encontrado no ano passado e é conhecido por ter redes de empresas como alvo, ganhando acesso ao serviço MS SQL ou ao protocolo SMB usando EternalBlue. Uma vez que o dispositivo é infectado, o malware solta um payload XMRig Monero que usa os recursos do sistema para mineração de criptomoedas.

Para encontrar dispositivos Linux infectáveis a partir dos ataques de força bruta pelo SSH, o Lemon_Duck usa um módulo de escaneamento para procurar sistemas Linux conectados à internet procurando nos 22 protocolos de controle de transmissão de dados para login remoto SSH.

Tópicos

comentários

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Desbloquear Notificações

Como desbloquear notificações

Na barra de endereço, clique no cadeado e em Notificações escolha a opção permitir, como na imagem abaixo

desbloqueio de notificação push

Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail