Terceiro turno do HGV realizou quase 9 mil consultas em um ano

Hospital completa um ano com atendimentos à noite

Em um ano de funcionamento, o Ambulatório do Trabalhador implantado no Hospital Getúlio Vargas (HGV) no turno da noite já realizou 8.708 no período. A iniciativa da Secretaria de Estado da Saúde (SESAPI), com o objetivo de facilitar o acesso para as pessoas que trabalham durante o dia e não tem tempo de realizar uma consulta médica, tem sido avaliada positivamente pela população. O Ambulatório do HGV realiza, uma média, de 7 mil consultas por mês nos três turnos. 

Para a diretora do Ambulatório Dirceu Mendes Arcoverde, Antônia Lima, a iniciativa foi muito boa e a procura tem sido intensa.

“Quando foi implantado em maio, realizamos apenas 308 consultas, no mês de junho, dobramos esse número para 622 consultas. As pessoas estão gostando porque, a maioria, não procurava um especialista porque não tinha tempo durante o dia”, explica a diretora.

Hospital Getúlio Vargas  (Crédito: Reprodução )
Hospital Getúlio Vargas (Crédito: Reprodução )

São ofertadas uma média de 16 consultas, por dia, em cada especialidade nas áreas de ginecologia, cirurgia geral, fisioterapia, ortopedia, urologia, cirurgia plástica, vascular, oftalmologia, proctologia, cardiologia e mastologia.

Antônia Lima orienta que a primeira consulta deve ser marcada no Posto de Saúde dos bairros e o retorno pode ser agendado no próprio Ambulatório.

“A procura tem sido tão grande que estamos atendendo não somente o município de Teresina, mas também os municípios do interior do Estado”, destaca a diretora do Ambulatório.  


Fonte: Portal Meio Norte