Turistas destacam as riquezas naturais de Pedro II durante

A Cidade Imperial traz uma variada gama de opções

Durante os dias de festival de Inverno de Pedro II, os principais atrativos da região recebem um maior fluxo de turistas no município. A Cidade Imperial, traz uma variada gama de opções que vão desde as cachoeiras, sítios arqueológicos, o rico artesanato, as reconhecidas opalas e muitos outros.

Para o secretário de Estado do Turismo, Flávio Nogueira Júnior, a riqueza de Pedro II está presente em tudo que a cidade possui. "Quando chegamos no Centro Histórico da cidade, sentimos o quanto Pedro II é diferenciada, o artesanato em fios de algodão é uma tradição muito forte. Somando isso com as belezas naturais, não tem como não se apaixonar. O Morro do Gritador é fascinante e ano passado fizemos a sinalização do local que é bastante frequentado", frisa o gestor.

Um grupo de amigos de Teresina, pela terceira vez, participam do Festival que já está em sua 14ª edição e aproveitam para apreciar as belezas, entre elas, o Mirante do Gritador, situado a uma altitude de 729 metros do nível do mar. "Já fomos em cachoeiras e mais uma vez viemos ao Gritador. É lindo demais, uma paisagem exuberante e que enche nossos olhos", ressalta empolgada a funcionária pública, Elane Ferreira.

O casal Junior Fernandes e Liliane Batista aproveitaram a visita a Pedro II para conhecer o Sítio Buritinho. No local, existe um engenho e uma casa de farinha onde é possível acompanhar todo processo de feitura dos produtos à base de cana e mandioca, respectivamente. "Já fomos no Museu da Roça, Morro do Gritador, cachoeiras, centro histórico e amamos. Tudo muito rico e, hoje, viemos olhar de perto o processo da farinhada. Me trouxe muitas lembranças boas. Estou amando", disse a pedagoga.

Uma equipe da Setur se encontra em Pedro II para a entrega de guias de bolso, programação do festival, além de prestar informações turísticas e apresentar o guia Piauí Destinos. A equipe permanece até o dia 18, data de encerramento do Festival de Inverno.


Image title

Image title

Image title

Fonte: Com informações do Portal do Governo