Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail

mais
URGENTE
Acidente em aeroporto de Teresina causa confusão em voôs para todo o país
Baixe o nosso APLICATIVO
ESCOLHA A LOJA ABAIXO: Google Play AppStore
curiosidades rede meionorte blogs notícias entretenimento esportes cidades carros

Vistoria constata risco de incêndio em alojamentos de clubes

A vistoria identificou a inexistência de medidas de prevenção a incêndios, indícios de gambiarras na fiação elétrica e instalação inapropriada do gás de cozinha, entre outras situações preocupantes.

Vistoria constata risco de incêndio em alojamentos de clubes
Janela obstruída por beliche em alojamento de clube de futebol | DIVULGAÇÃO
Compartilhe
Google Whatsapp

Alojamentos do Piauí Clube e River Atlético Clube passaram recentemente por fiscalização, onde foram constatadas irregularidades que expõem jovens jogadores ao risco de uma grande tragédia, semelhante à que aconteceu em fevereiro deste ano e que tirou a vida de 10 jovens jogadores no Centro de Treinamento do Flamengo, o Ninho do Urubu, no Rio de Janeiro.

A vistoria realizada pela Superintendência do Trabalho do Estado do Piauí, durante a Campanha Nacional de Prevenção de Acidente de Trabalho (CANPAT), identificou a inexistência de medidas de prevenção a incêndios, indícios de gambiarras na fiação elétrica e instalação inapropriada do gás de cozinha, entre outras situações preocupantes. 

“Semana passada, fizemos fiscalizações e deixamos notificações para que os dois clubes comparecessem à Superintendência esta semana com documentos para consolidarmos alguns entendimentos e entregar a nova notificação com os procedimentos que eles devam se ajustar“, relatou a auditora fiscal do Trabalho, Flávia Lopes.

A situação de alojamentos preocupa e estabelece devida atenção aos locais que abrigam jogadores. No Piauí Clube, o alojamento é o mesmo para jogadores profissionais e jogadores de base (12 jovens de 16 a 19 anos) e funciona como um revezamento entre os jogadores de base e profissionais. Na análise, foi contestada que não havia nenhuma medida de prevenção a incêndios, como extintores nos alojamentos, academia ou cozinha. Além disso, o botijão de gás de cozinha foi encontrado instalado em local inapropriado e os empregados não apresentaram registros no clube.

No River Atlético Clube, os alojamentos são separados entre os jogadores de base (12 jovens de 16 a 19 anos) e os alojamentos dos profissionais. Entre as irregularidades apresentadas, a fiação elétrica com indícios       de gambiarras, especialmente na instalação do sistema de ar condicionado, algumas janelas de quartos obstruídas por beliches, um dos dormitórios sem janela (apenas basculante); portas (sala, quartos e banheiros) quebradas, e empregados sem registro (empregados no apoio dos jogadores). Além disso, segundo trabalhadores entrevistados, a mesa térmica (self service) do refeitório está com fuga de corrente (haveria ocorrências de choque elétrico de pequena intensidade), possivelmente sem aterramento e botijão de GLP instalado em local inapropriado.


Os clubes vão receber as multas pelas irregularidades encontradas, e caso não adequem à norma especificada de segurança, o caso será encaminhado para o Ministério Público do Trabalho, explica Flávia Lopes.





Tópicos
Compartilhe
Google Whatsapp

veja também

Recomendamos

Localização

Definir a localização padrão

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Fique por dentro

Receba notícias quentinhas diretamente no seu whatsapp

Continuar

Falta pouco, agora escolha as categorias que deseja receber notícias

Aperte (ctrl + clique) para selecionar vários
Pronto!

Agora você passará a receber novidades diretamente no seu whatsapp.

Termos de uso

Texto

Política de privacidade

Texto

×