A Prefeitura de Floriano, através da Secretaria Municipal de Infraestrutura acaba de apresentar o Projeto “Nosso Bairro é Limpeza”. A proposta é desenvolver uma série de ações que incluem a limpeza de todos os bairros e conjuntos habitacionais de Floriano, além da substituição de lâmpadas queimadas, recuperação de pavimentação e construção de sarjetas nos locais apropriados.  O trabalho será em conjunto com as secretarias municipais de Meio Ambiente, Saúde e Comunicação.

Segundo Júlio César Ferreira, secretário de Infraestrutura, a ideia do projeto é sensibilizar a comunidade, promovendo ações sociais e conscientizar ambientalmente sobre a destinação correta do lixo, proporcionando uma melhor limpeza pública urbana, saúde e qualidade de vida. "Queremos inserir na comunidade o sentimento de pertencimento e que a responsabilidade pela manutenção da cidade limpa é de cada um de nós", explica. 

As secretarias parceiras estão interligadas no projeto no direcionamento de ações geradas a partir da limpeza pública de capina e recolhimento de entulhos e materiais, por exemplo, que poderiam servir de criatório do mosquito Aedes aegypti, evitando dessa forma a sua proliferação e, consequentemente, o aumento nos casos de Dengue, Zika e Chikungunya.

A secretária de Saúde, Caroline Reis, reforçou que através desse projeto é possível intensificar outras campanhas de prevenção de doenças. "Nós temos focado esforços no combate ao mosquito transmissor da dengue e sabemos que os próximos meses serão cruciais para controlar essa problemática. Junto com as equipes de limpeza, os agentes de endemias farão um trabalho mais apurado. A previsão é que sejam visitadas mais de 30 mil residências", disse. 

Nas áreas ambiental e de comunicação, a proposta é que sejam intensificadas as blitzen educativas, bem como elaborada uma campanha que englobe rádio, carro volante, TV, mídia digitais e o jornalismo local, com o objetivo de sensibilizar a comunidade sobre a importância e o dever de manter a cidade limpa e organizada. Além disso, serão realizadas palestras educativas nas escolas para instruir as crianças sobre a importância da seleção do material para a coleta seletiva. A secretária de Meio Ambiente, Hayla Oka, explica que esse trabalho já vem sendo desenvolvido nas escolas, mas que qualquer ação de sensibilidade e consciência crítica cidadã tem impacto direto na construção de uma sociedade sustentável. 

O secretário de Comunicação, Nilson Ferreira, destacou que todos os anos a pasta realiza campanhas de conscientização, inclusive com o reforço da importância para o florianense em conhecer o funcionamento da Ouvidoria, na busca para que seus problemas sejam solucionados. "A campanha que vamos criar será baseada principalmente na consciência cidadã e no trabalho que a gestão municipal está desenvolvendo nesses três eixos: infraestrutura, saúde e meio ambiente. Mas para isso, a população precisa saber que existe um canal aberto para buscar a resolução de seus problemas", disse. 

O município de Floriano possui 56 bairros, incluindo os 12 conjuntos habitacionais e 7,1km de área urbana, dividida em 6 regiões. Todas devem ser atendidas através do projeto "Nosso bairro é limpeza". O planejamento ficará a cargo da secretaria de Infraestrutura em consonância com as secretarias parceiras. O início dos trabalhos está previsto para a partir do dia 02 de maio. 

Estão inclusas ainda as seguintes ações:

Realizar operação tapa-buracos, causados pelas fortes chuvas ou em decorrência do tempo de uso;

Substituir lâmpadas queimadas;

Construir sarjetas nos locais apropriados, afim de evitar o crescimento dos matos nas vias urbanas;

O secretário Júlio César Ferreira destacou que mais uma novidade a ser lançada no apoio ao trabalho das secretarias será um aplicativo para celular colaborativo, por meio do qual o cidadão poderá avisar a Ouvidoria municipal sobre lâmpadas queimadas, buracos em vias, entulhos e outros. "Esse é um dos objetivos mais empolgantes, onde o cidadão terá na palma da mão a oportunidade de colaborar com a prefeitura na construção de uma cidade melhor", explica.