Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail

mais
URGENTE
Acidente em aeroporto de Teresina causa confusão em voôs para todo o país
Baixe o nosso APLICATIVO
ESCOLHA A LOJA ABAIXO: Google Play AppStore
curiosidades rede meionorte blogs notícias entretenimento esportes cidades carros

Prefeito de Palmeira do Piauí descumpre determinação judicial

Prefeito de Palmeira do Piauí descumpre determinação judicial
Servidores na porta da Prefeitura | Comissão de Concursados
Compartilhe
Google Whatsapp

O Prefeito de Palmeira do Piauí, cidade localizada a 600 KM de Teresina, João da Cruz Rosal da Luz descumpriu a determinação judicial, que determinava a reintegração de 45 servidores concursados que haviam sido exonerados pelo gestor.

Apesar de publicar portaria no Diário Oficial dos Municípios informando a reintegração no dia 10 de julho, e ter informado ao Tribunal de Justiça que cumpriu a sentença, o prefeito não reintegrou os servidores as suas funções.

40 concursados compareceram na sede da Prefeitura de Palmeira do Piauí na manhã desta terça-feira, 11, onde foram informados que o prefeito não estava no local, que nenhum dos secretários estaria para prestar informações.

O secretário de finanças, Klebert Piauilino, que é cunhado do prefeito, foi localizado por telefone por um prestador de serviços da prefeitura e informou que o prefeito não havia determinado que os servidores fossem convocados, e não iria fazer sem autorização do mesmo.

Os servidores se dirigiram a Delegacia Regional Civil de Bom Jesus, onde registraram um Boletim de Ocorrência, informando o descumprimento judicial.

"Nós estamos desesperados, não sabemos o que fazer, se nem uma decisão judicial o prefeito cumpriu, quem nos garantirá nossos direitos? nós estudamos e passamos no concurso, fomos convocados, iniciamos nossas funções, trabalhamos por mais de 5 meses, temos nossos direitos, esperamos que a justiça tome uma providência", falou inconformado uma dos servidores.

Esta determinação judicial pode ocorrer também em Redenção do Gurguéia, pois o concurso realizado em 2016 foi cancelado pelo atual gestor. Tramita em justiça uma ação semelhante a esta dos servidores de Palmeira do Piauí.

Em breve, informações sobre a situação de Redenção do Gurguéia

Fonte: Comissão de concursados de Palmeira do Piauí



Tópicos
Compartilhe
Google Whatsapp

veja também

Não venda minhas informações pessoais

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se