mais

Esposa de médico preso no Egito se revolta: "pessoas vendo maldade em tudo"

O posicionamento é anterior a detenção do médico, que ocorreu no domingo, após ampla repercussão do caso no país

A esposa do médico Vitor Sorrentino, detido no Egito após ser acusado de assediar uma vendedora, defendeu o marido nas redes sociais. Kamila Monteiro fez uma postagem sobre o caso no dia 26 de maio, quando Victor publicou no Instagram o vídeo em que aparece perguntando para uma mulher em português: "Vocês gostam mesmo é do bem duro, né?", enquanto ela mostrava um papiro em uma loja na cidade de Luxor.

O posicionamento é anterior a detenção do médico, que ocorreu no domingo, após ampla repercussão do caso no país, principalmente nas redes sociais. No Twitter, muitos internautas publicaram hashtags pedindo que o brasileiro fosse responsabilizadoApós o marido receber críticas nas redes sociais, Kamila escreveu no Instagram: "O mundo está cada vez mais complexo, as pessoas vendo maldade em absolutamente tudo, mas nossa vida sempre se volta à simplicidade, ao olhar tudo pelo lado positivo e tentar não julgar. Hoje estou passando só pra ressaltar a pessoa que é o meu marido é na minha vida e na vida dos que nos rodeiam. Amo demais a autenticidade, o bom humor e o quanto ele é incansável naquilo que acredita. Ele tem esse jeito intenso de viver a vida que só me deixa ainda mais encantada, e super me dedico para acompanhar".

Kamila defende o marido das acusações (Foto: Reprodução/Instagram)Kamila defende o marido das acusações (Foto: Reprodução/Instagram)

Kamila, que tem mais de 40 mil seguidores na rede social, ainda acrescentou: "Mas, o fato é que só tem um jeito de nunca errar, que é não fazendo exatamente NADA e esse, definitivamente, não é o perfil do meu amor e da pessoa que escolhi estar ao lado e caminhar lado a lado. Este é o Victor, aquele que poucos conhecem fora das redes, aquele que sobe no palco do casamento em que foi padrinho, e vive, sem preconceitos, sem maldade. Este é ele, estes somos nós, humanos de verdade! Obrigada por ser exatamente assim, esse ser humano completo, de erros e acertos, e de um coração que é impossível medir. Te amo pra sempre".

No domingo (30), o Ministério do Interior do Egito emitiu um comunicado sobre medidas judiciais que foram tomadas contra um estrangeiro. A nota não cita o nome do médico brasileiro.

"O Ministério do Interior conseguiu prender um estrangeiro após assédio a uma mulher, depois que ele publicou um vídeo com imagens do incidente em uma rede social, onde os serviços de segurança conseguiram identificar a vítima e o autor, e tomar as medidas judiciais contra ele e apresentar ao Ministério Público competente", afirmou o órgão.

Após a detenção, a família também divulgou uma nota sobre o caso: "Viemos, por meio desta informar, que são irreais e inverídicas as manchetes de prisão do Dr. Victor Sorrentino. O médico está prestando esclarecimento às autoridades para desfazer, assim como já havia feito, inclusive, com a própria egípcia, os vieses maldosos implementados aos seus atos por parte da imprensa, na última semana. Assim, quando terminados os trâmites no país, o Dr. Victor retornará e explicitará todo o ocorrido".

Tópicos

comentários

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Desbloquear Notificações

Como desbloquear notificações

Na barra de endereço, clique no cadeado e em Notificações escolha a opção permitir, como na imagem abaixo

desbloqueio de notificação push

Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail