mais

Ex-jogador é sequestrado e morto com 10 tiros após suposto estupro

Ele estava desaparecido desde quando foi sequestrado no momento em que chegava em casa para se arrumar para ir a um casamento

O ex-zagueiro Willian Santana, de 21 anos, foi encontrado morto no final da tarde de sexta-feira (17), em Sinop, cidade a 500 km de Cuiabá. O jovem estava desaparecido desde a noite do dia anterior, quando foi sequestrado no momento em que chegava em casa para se arrumar para ir a um casamento.

Segundo a Polícia Civil, a família do ex-jogador procurou a delegacia relatando que, na noite de quinta-feira (16), Willian e a namorada chegavam na casa onde o jovem mora, na avenida dos Ingás, quando um carro preto parou e abordou o ex-jogador. Quatro homens, um deles encapuzado, o teriam obrigado a entrar no veículo e deixaram o local, em seguida.

Muito nervosa, a namorada do ex-jogador contou aos policiais que não conseguiu entender o que os rapazes disseram e nem ver se eles estavam armados.

Corpo de Willian Santana foi encontrado em matagal com marcas de tiros Corpo de Willian Santana foi encontrado em matagal com marcas de tiros 

Após mais de 12 horas do desaparecimento do ex-jogador, a Polícia Militar prendeu um homem suspeito pelo crime. Ele usava tornozeleira eletrônica e foi possível ver que o suspeito esteve próximo à casa da vítima no momento do sequestro. Um adolescente suspeito de participação também foi levado para a delegacia.

Com a prisão de duas pessoas, a polícia conseguiu localizar o corpo de Willian, que estava em uma região de mata nas proximidades do rio 15, às margens da BR-163. Havia marcas de tiros no corpo do jovem.

Em depoimento, um dos presos em flagrante pela Polícia Militar afirmou que uma mulher ligada ao Comando Vermelho teria alegado a faccionados que o jogador a estuprou. Segundo a polícia, o atleta foi morto com 10 tiros. 

“Ela é ligada a organização criminosa, passou essa situação a eles que mandaram matá-lo. Segundo eles, a motivação foi essa, mas saber se houve mesmo essa situação narrada por ela aos integrantes do crime organizado, não sabemos, e vamos investigar”, disse o delegado Bráulio Cunha Junqueira.

Willian era ex-zagueiro do Sinop Futebol Clube, onde atuou em 2018, 2019 e 2020, tendo passagens no profissional e também na categoria de base. Ele disputou 11 jogos da Série D do Campeonato Brasileiro, sendo a maioria como titular. Willian também jogou a Copa Verde e o Campeonato Mato-grossense.

Tópicos

comentários

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Desbloquear Notificações

Como desbloquear notificações

Na barra de endereço, clique no cadeado e em Notificações escolha a opção permitir, como na imagem abaixo

desbloqueio de notificação push

Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail