Você precisa verificar a sua conta, acesse o seu e-mail

mais
URGENTE
Acidente em aeroporto de Teresina causa confusão em voôs para todo o país
Baixe o nosso APLICATIVO
ESCOLHA A LOJA ABAIXO: Google Play AppStore

MT: padre é suspeito de corrupção de menor

MT: padre é suspeito de corrupção de menor

Compartilhe

A Policia Civil de Sinop, em Mato Grosso, finaliza nos pr?ximos dias o inqu?rito que apura as den?ncias de corrup??o de menor contra o padre da Igreja Cat?lica Jair Todescatt, 37 anos, p?roco da Par?quia S?o Cristov?o. "Estamos em fase conclusiva do inqu?rito, aguardamos apenas o laudo pericial de conjun??o carnal e ato libidinoso. O padre era namorado de uma menina com 15 anos. Eles mantinham um relacionamento amoroso. A menor freq?entava a igreja e o padre era p?roco da comunidade", declarou o delegado respons?vel pelo caso, Thormires Haroldo Pinto Godoy.

O padre Todescatt foi afastado de suas fun?es no dia 19 de outubro. Segundo o delegado, a den?ncia partiu dos pais da menina, que procuraram a policia e o Minist?rio P?blico Estadual (MPE). Godoy ressaltou que pelo depoimento das testemunhas est? configurado que houve corrup??o de menor.

No interrogat?rio, o padre desmentiu as den?ncias. "Jair Todescatt negou a acusa??o, falou que a hist?ria n?o era essa, que a menina tinha problemas no relacionamento com a fam?lia e que o tinha procurado para falar sobre isso. Ao contr?rio da menor de 15 anos, quando foi chamada para o interrogat?rio confirmou as den?ncias dos familiares. Ela afirmou que o padre tinha conquistado ela", disse Godoy.

Ap?s a finaliza??o do inqu?rito, ele ser? encaminhado ? Justi?a Estadual e pode ser aberto um processo criminal, caso o juiz avalie que realmente houve um crime de corrup??o de menor. A pena ? de um a cinco anos.

O bispo d. Gentil de Lazare, respons?vel pela Diocese de Sinop, falou que Todescatt ? um cidad?o e o caso est? nas m?os da Justi?a civil. "Ele ? adulto e deve responder pelos seus atos. O que cabe ? parte eclesial foi feito: ele foi afastado imediatamente do minist?rio ao sermos comunicados da den?ncia. Ap?s o resultado da decis?o judicial, a Justi?a can?nica ir? se posicionar sobre o caso", destacou.

O advogado da Mitra Diocesana de Sinop, Cl?udio Alves Pereira, falou que a Igreja Cat?lica d? credibilidade ? palavra dos fi?is, ressaltando que a den?ncia partiu da fam?lia da menina, que tem uma participa??o efetiva dentro da igreja.

"T?o logo chegou a den?ncia dos pais que fazem parte da igreja, o bispo tomou a decis?o do afastamento do padre. O que nos interessa ? preservar a imagem da Igreja Cat?lica. A igreja n?o tem vincula??o com os atos do padre", explicou Cl?udio Alves Pereira.

Conforme o advogado, Todescatt n?o ? mais padre em exerc?cio. Cl?udio Alves Pereira ressaltou que a Mitra Diocesa de Sinop n?o forneceu advogado para o padre. "O inqu?rito policial n?o cabe a n?s. Ele foi afastado e n?o sabemos onde ele est? no momento", disse.


Tópicos
Compartilhe
Não venda minhas informações pessoais

Central do usuário

Login pelas Redes Sociais

Nunca postaremos nada em seu nome


Login por e-mail

Use sua conta cadastrada por e-mail

Não tem conta no meionorte.com?

Cadastre-se

Podcast

Selecione seus podcasts

atualizar