Nas primeiras horas da manhã desta terça-feira (01/06), a Polícia Civil do Piauí e o Ministério Público do Estado do Piauí, por meio de suas unidades especializadas Departamento de Homicídios e Proteção a Pessoa (DHPP) e Grupo de Atuação Especial no Combate ao Crime Organizado (Gaeco), deflagraram a operação “Codinome  40” cuja atuação inicial se deu em repressão ao homicídio ocorrido no dia 2 de dezembro de 2020, no qual foi vítima um homem identificado como Francisco Ismael Rodrigues Soares.

O nome “Codinome 40” faz referência ao nome da Organização Criminosa intitulada 'Bonde dos 40', dedicada à prática dos mais diversos crimes dentre os quais a lavagem de capitais, tráfico de entorpecentes e homicídios, com destaque para o que vitimou o corretor na Avenida Barão de Gurgueia, zona sul de Teresina.

A operação contou com a cooperação das equipes da Policia Rodoviária Federal, DICAP – Divisão de Capturas , DEPRE – Delegacia de Prevenção e Repressão a Entorpecentes , POLINTER – Polícia Interestadual, GRECO – Grupo de Repressão ao Crime Organizado e CORE – Coordenadoria de Operações e Recursos Especiais e Polícia Militar.

Polícia Civil do Piauí realiza operação para combater o crime organizado no estado - Foto: Divulgação/SSP-PIPolícia Civil do Piauí realiza operação para combater o crime organizado no estado - Foto: Divulgação/SSP-PI

Operação age para combater grupos que praticam os mais diversos crimes - Foto: Divulgação/SSP-PIOperação age para combater grupos que praticam os mais diversos crimes - Foto: Divulgação/SSP-PI

Operação teve o apoio de vários órgãos, como o GAECO e a Polícia Rodoviária Federal - Foto: Divulgação/SSP-PIOperação teve o apoio de vários órgãos, como o GAECO e a Polícia Rodoviária Federal - Foto: Divulgação/SSP-PI